Fundo Esperança e Renda Pará iniciam nova rodada de pagamentos

Os auxílios estaduais integram a estratégia de retomada gradual da economia impactada pela pandemia

20/04/2021 10h02 - Atualizada em 20/04/2021 11h02

O calendário de saque do Fundo Esperança e Renda Pará alcança nova remessa de beneficiários a partir desta terça-feira (20). Pessoas físicas nascidas ou jurídicas constituídas no mês de outubro já podem sacar o Fundo Esperança. Já o Renda Pará inicia o atendimento a pessoas nascidas também em outubro (R$ 100) e em junho (R$ 500). Para reforçar os cuidados contra o coronavírus, o Banco do Estado do Pará (Banpará) disponibilizou três dias de pagamento, bem como horários e equipes especiais para garantir segurança e tranquilidade aos usuários.

Os auxílios estaduais integram a estratégia de retomada gradual da economia impactada pela pandemia. “Sem dúvida, essas iniciativas, que fazem parte do pacote econômico e tributário lançado pelo governo do Estado, vêm mantendo a preservação da renda da população paraense e garantindo a movimentação da economia no Pará”, pontua José Fernando Gomes, secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia (Sedeme).

O titular ainda lembrou que a pandemia continua e os cuidados preventivos devem ser respeitados pela população. “Durante a retomada do calendário de pagamento do auxílio financeiro, no valor de R$ 500, e do saque do valor disponibilizado pelo Programa Fundo Esperança, é importante que todos os beneficiados observem as datas, que foram ampliadas para evitar aglomerações nas agências do Banpará em todas as regiões do Estado, observando os protocolos de prevenção contra a Covid-19”, acrescenta José Fernando.

O empresário Eron Matos atua no ramo da construção civil e foi contemplado com o crédito do Fundo EsperançaNo ramo da construção civil, a empresa de Eron Matos foi, entre tantas, afetada pela pandemia com a diminuição de obras e execução de projetos. O arquiteto enxerga no Fundo Esperança a oportunidade de reestruturar o negócio. “Esse fundo vai justamente beneficiar, não só a mim, como outras famílias também, nesse propósito de querer ajudar quanto mais pessoas possíveis nesse momento de instabilidade econômica que estamos passando”, acredita.

O recurso oxigena o empreendimento do arquiteto. “Em função desses juros baixos, da facilidade da forma de pagamento, isso, querendo ou não, injeta um capital que você teoricamente não estava preparado agora, neste período de pandemia, então vai fazer com que a gente dê um gás nesse período de instabilidade”, completa o empresário.

Confira as datas de pagamento dos auxílios, conforme aniversário de nascimento (pessoas físicas) e constituição (pessoas jurídicas):

Dias 20, 22 e 23 de abril

Fundo Esperança - nascidos em outubro

Renda Pará (R$ 100) - nascidos em dezembro

Renda Pará (R$ 500) - nascidos em junho

Dias 26, 27 de abril e 3 de maio

Fundo Esperança - nascidos em novembro

Renda Pará (R$ 500) - nascidos em julho.

Por Dayane Baía (SECOM)