Canoístas paraenses se destacam em seletiva nacional no Paraná

Com apoio da Seel, os atletas de São Domingos do Capim fizeram a preparação para o evento na capital paranaense

19/04/2021 17h02 - Atualizada em 19/04/2021 17h54

Os atletas Laerte Santiago, Daniel dos Santos e Wagner Murilo voltarão ao Pará nesta terça-feira (20) com bons resultados na seletiva nacional de canoagem. Naturais do município de São Domingos do Capim, na região Nordeste, os canoístas se destacaram na seletiva realizada no último sábado (17), em Cascavel, no Paraná. A participação dos três no evento teve o apoio da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel).

O destaque dos atletas, que fazem parte da Associação de Canoagem Pororoca (Ascap), foi com Laerte Santiago. Na categoria Cadete, ele conquistou o segundo lugar na K1, nos 200 metros. Laerte, que já foi campeão brasileiro, disse que precisou “treinar muito para alcançar o nível dos meus adversários. A seletiva tem um peso a mais, porque vale vaga para a Seleção Brasileira. Depois de um ano sem competir, conseguimos as melhores colocações”.

Também na categoria Cadete, Daniel dos Santos, 15 anos, disputou a prova de 1000 metros da K1. Estreante em competições, o atleta contou que o diferencial foi sua determinação. “Estava muito concentrado, confiante e determinado. Desde o início estava com esse foco de chegar às primeiras colocações e bater o melhor tempo na seletiva”, afirmou.

O terceiro atleta paraense na competição, organizada pela Confederação Brasileira de Canoagem, foi Wagner Murilo, que ficou na sétima colocação. Os canoístas, antes da seletiva, participaram de um período de treinamento e aperfeiçoamento técnico durante quatro meses, em Curitiba, capital paranaense.

Entre os melhores - Ao destacar a importância do aperfeiçoamento, Jatobá Nascimento, presidente da Ascap e ex-integrante da Seleção Brasileira de Canoagem, disse que “conseguimos chegar ao topo do pódio graças ao estágio de aperfeiçoamento técnico. Estamos entre os melhores do Brasil. Mesmo passando por tanto momentos difíceis, é muito produtivo poder mostrar o nosso trabalho, que é sério e verdadeiro”.

Com a presença de 50 atletas, a seletiva teve provas nas categorias Cadete, Júnior e Sênior, masculino e feminino, nas seguintes distâncias: 1000 m (somente para homens), 500 m (para mulheres) e 200 m (para homens e mulheres) na embarcação K1.

Os paraenses retornarão aos treinos, visando ao Campeonato Brasileiro, marcado para setembro também em Cascavel. (Texto: Bianca Rodrigues – Ascom/Seel).

Por Governo do Pará (SECOM)