Governo do Pará entrega 57ª unidade de ensino reconstruída e ampliada à comunidade escolar

A Escola Estadual Maria Estelita Barbosa da Silva, no bairro do Coqueiro, em Belém, atende 300 alunos, do ensino fundamental à educação especial

15/04/2021 13h36 - Atualizada em 15/04/2021 15h46

Governador: "Estamos chegando na 57ª escola reconstruída, e com todos os cuidados necessários em respeito ao isolamento social" A Escola Estadual de Ensino Fundamental Maria Estelita Barbosa da Silva, no bairro do Coqueiro, em Belém, é a 57ª unidade de ensino reconstruída e entregue pelo Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), desde janeiro de 2019.

A entrega na manhã desta quinta-feira (15), contou com a presença do governador, Helder Barbalho, e do secretário-adjunto de logística da Seduc, Alexandre Buchacra.

A escola foi fundada em 1988 e recebeu o nome em homenagem à educadora Maria Estelita Barbosa da Silva, que incansavelmente lutou pela causa dos professores e por uma educação de qualidade, através do “Projeto Gavião”.

Escola atende a alunos do 1º ao 5º ano e da educação especial “Nós estamos chegando na 57ª escola já recuperada, reconstruída, entre várias outras que estão na agenda, mas que, em decorrência da pandemia, estamos tomando todos os cuidados necessários em respeito ao isolamento social. Agora, com a escola mais bonita e estruturada, ela se adequa ao nome que leva. À comunidade do Maguari, minha gratidão, meu carinho e abraço para continuar na luta para fazer com que a educação no nosso estado possa ser uma educação melhor”, disse o governador, Helder Barbalho. 

A unidade de ensino atende alunos do Ensino Fundamental I, do 1º ano 5º ano, e alunos da Educação Especial. Ao todo, 300 alunos estão matriculados, sendo 18 do AEE para o ano letivo de 2021. 

Estudantes já usufruem da biblioteca nesses tempos de pandemia “Quando cheguei aqui, em 2019, a escola estava numa situação bem comprometedora e seus espaços não estavam  adequados para o processo do ensino-aprendizagem. Com a reforma, a instituição ganhou todo esse espaço para que a gente possa fazer o nosso trabalho: que é o processo de educação com qualidade e voltado para a criança. Sem dúvida alguma, o ganho das crianças, com certeza, será muito melhor, pois temos um ambiente confortável, climatizado. A escola está linda, belíssima", comemorou a professora da escola, Maria do Socorro da Silva Figueiredo. 

As obras contemplaram salas de aula climatizadas; espaço pedagógico, quadra de esportes, sala de Serviço de Atendimento Educacional Especializado (SAEE), banheiros e espaços pedagógicos.Unidade foi ampliada para melhor atender a comunidade escolar

“Trata-se da 57ª escola entregue pelo governador Helder Barbalho, um governo comprometido com a educação. Esta unidade foi devidamente reformada e ampliada de forma a atender da melhor maneira a comunidade estudantil paraense. Isto é um trabalho que deve ser ressaltado, tendo em vista que a educação é o alicerce e a base para uma sociedade sólida e consciente dos seus plenos direitos”, afirmou o secretário-adjunto da Seduc, Alexandre Buchacra.

“Esse espaço aqui é pedagógico, onde funciona o local para leitura, para projeção de vídeos e criou-se a quadra que antes não tinha, pois era um matagal. Reforço que aqui também temos uma sala para a educação especial, voltada para a inclusão dos nossos alunos. Gostaria de agradecer a Seduc, o Governo do Estado, para que ele continue presente com a gente e todo o povo do Pará”, ressaltou o diretor, Luiz Otávio Cardoso.

A escola ganhou novos e maiores espaços pedagógicos O aluno Paulo Sérgio, de 6 anos, do 1º ano do fundamental, gostou do que viu. “Gosto muito de estudar aqui. A minha matéria preferida é ciências, por causa das brincadeiras que tem no livro. Tenho muitos amigos, a gente brinca, corre e estuda. Agora a escola está muito bonita e linda”, disse ele.

Por Lilian Guedes (SEDUC)