Hemopa Santarém encerra a semana com o estoque abastecido de solidariedade

26/03/2021 17h51 - Atualizada em 26/03/2021 19h18

No Hemocentro Regional de Santarém, a semana foi marcada por muitas ações de conscientização e solidariedade. O Hospital da Unimed, no município, estava realizando a II SIPAT- Semana interna de prevenção a acidente de trabalho, e abordou a doação de sangue como um dos pontos a serem trabalhados entre funcionários e usuários. Como parceria, a Unimed instituiu que todo dia 25 do mês será o dia D, aonde a cooperativa de médicos vai disponibilizar um veículo como carona solidária aos doadores de sangue. Só nesta semana, foram 46 doadores desta ação. 

“A gente sabe da importância da doação. É um cuidado especial com a nossa sociedade. Então, todos os meses, vamos trabalhar a divulgação e o incentivo à doação de sangue e, ainda, disponibilizar um motorista para levar este doador para a casa dele”, ressaltou Welen Silva, da coordenação de comunicação e eventos da Unimed Santarém.

As parcerias de instituições públicas e privadas são relevantes no processo de conscientização da causa. O 8º Batalhão de Engenharia e Construção do Exército enviou 103 militares ao Hemopa, dentre os quais 84 estavam aptos à doar.

Outra equipe parceira é o grupo Santa Família, de motociclistas do município. Entre eles, Cristiano Silva, que já é doador, sempre busca comparecer ao Hemopa. “A gente precisa se comprometer independente de pandemia ou de outra qualquer coisa. Temos que dar valor à nossa vida, bem como na vida de outras pessoas. Isso que eu penso e sigo”. 

“A penúltima semana do mês foi muito produtiva, recebemos vários doadores, principalmente jovens para a primeira doação. Por isso, aproveitamos o momento para convidar esse jovem a se tornar um doador de sangue e incluir este ato em sua rotina de vida”, destacou Telma Suanne, assistente social do Hemocentro de Santarém. 

O Hemocentro de Santarém atende mais de 30 unidades hospitalares da região do Baixo Amazonas e precisa estar com o estoque sempre abastecido para o atendimento que é ininterrupto. Para ser um doador, o cidadão precisar seguir os critérios básicos:

• Ter entre 16 e 69 anos (menores de idade devem estar acompanhados do responsável legal);

• Pesar mais de 50 kg

• Estar em boas condições de saúde.

No momento do cadastro é obrigatório apresentar um documento de identificação oficial, original e com foto (RG, CNH, passaporte ou carteira de trabalho).

Quem teve Covid-19 também pode voltar a doar sangue, só precisa esperar 30 dias após a cura. Quem teve contato com pessoas que tiveram a doença deve esperar 14 dias após o último contato.

Para quem recebeu a vacina Coronavac/Butantã, são 48 horas de inaptidão para doação de sangue, após cada dose. Já a vacina AstraZeneca/Fiocruz, são 7 dias após cada dose. Se o candidato à doação de sangue não souber qual imunização fez, só poderá voltar a doar sangue, após 7 dias.

O Hemocentro de Santarém fica na Avenida Frei Vicente, 696, entre as Alameda 30 e 31 (Aeroporto Velho). O atendimento é de segunda a sexta, de 7h às 13h. Contato: (93) 3524-7550.

Por Anna Cristina Campos (HEMOPA)