Graesp resgata indígena que havia se perdido na mata há quatro dias

Baseada em Santarém, a equipe do Grupamento vem atuando na distribuição de vacinas na região

20/03/2021 19h43 - Atualizada em 20/03/2021 20h05

Os militares do Graesp e o indígena encontrado na mata, em SantarémNeste sábado (20), o Grupamento Aéreo de Segurança Pública (Graesp) realizou operação de busca e salvamento de um indígena de 26 anos, que havia desaparecido há quatro dias. A aeronave decolou de Santarém, na região Oeste, para a localidade de Cachoeira do Aruá, a 100 quilômetros da sede municipal, próxima à Terra Indígena Maró.O helicóptero pousou em uma estra de chão na operação de busca

Após 40 minutos de buscas em área de mata, o indígena foi encontrado na beira de uma estrada, acenando e pedindo ajuda. O pouso foi realizado na estrada de chão, local onde “John Leno”, como o indígena é conhecido, recebeu os primeiros cuidados de hidratação e alimentação. Em seguida, ele foi levado pelo helicóptero até a vila onde reside.

“Nós fomos até a pessoa que estava com ele antes do desaparecimento, que nos contou que eles haviam saído para caçar e no momento que foram fazer a distribuição dos itens de caça, em locais diferentes, apenas um conseguiu retornar à vila. Nós o levamos de volta e o reencontro foi emocionante”, contou o tenente-coronel Souza Júnior, integrante da operação.Após receber os primeiros socorros, ele foi levado para casa

O helicóptero utilizado na busca está baseado na sede municipal de Santarém, atuando na distribuição de imunizantes para a Covid-19 na região. O Graesp atua em várias frentes, desde operações policiais até transporte aeromédico e de animais, agindo também na proteção de banhistas nas praias e na distribuição de vacinas.

Por Aline Saavedra (SEGUP)