Seel retoma aulas da escolinha de futebol através da modalidade de ensino à distância

26/02/2021 17h17
Por Bianca Rodrigues (SEEL)

A Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel), considerando as condições sanitárias regionais em relação aos casos de Covid-19, retornou com as aulas do projeto Gol do Brasil, na última quarta-feira (22), mas com cada aluno assistindo às aulas em sua casa. Através de um aplicativo de videoconferência do Google, os estudantes receberam aulas lúdicas e técnicas para desenvolverem. A iniciativa visa garantir a saúde de todos os envolvidos no projeto.

O retorno foi planejado juntamente com a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), entidade responsável pela ação social. De forma que auxilie no desenvolvimento físico e, sobretudo, psicológico dos alunos. 

“O Governo do Estado do Pará trabalha e prioriza tudo que é para o lado social. A Seel tem um viés para buscar a inclusão social por meio da ferramenta do esporte. Temos essa missão de continuar com seus sonhos, em adequar a nossa realidade, fazer com que as crianças tenham as suas vidas transformadas por meio do futebol, é muito importante”, ressalta Arlindo Silva, secretário de Esporte e Lazer. 

As aulas estão sendo realizadas todas as quartas-feiras, divididas por faixa etária, em dois turnos. Já os alunos são avaliados conforme seus vídeos, enviados por mensagem instantânea para os professores.    

“A proposta está muito bem recebida pelos alunos, que estavam ansiosos pelo retorno das aulas, infelizmente não conseguimos voltar de maneira presencial, por conta da pandemia. Mas, estamos trabalhando para promover um maior engajamento dos envolvidos no processo de aprender trazendo leveza e criatividade”, disse Rayssa Talino, coordenadora Administrativa da unidade Belém. 

O Gol do Brasil atende 240 alunos, entre crianças e adolescentes, de 6 a 17 anos, de ambos os sexos, residentes no entorno do Mangueirão. O projeto, que é uma parceria da CBF com a Seel e Federação Paraense de Futebol, foi interrompido no mês de março de 2020, logo após serem confirmados os primeiros casos do novo coronavírus no Pará. 

CBF qualifica instrutores do Gol do Brasil - Em janeiro, a CBF promoveu o curso de qualificação para os instrutores que atuam no projeto, na capital paraense, Belém. A ação atualizou sobre as metodologias da CBF Social, aplicando as diretrizes do projeto social aliada às dez habilidades de vida recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e Organização das Nações Unidas (ONU).