Detran finaliza ações da semana de educação no trânsito em Benevides

Mais de 710 veículos e, aproximadamente, 1.060 pessoas foram abordados, além de 82 estabelecimentos orientados e 845 pessoas atendidas

26/02/2021 10h23 - Atualizada em 26/02/2021 12h37

Trabalho ocorre em parceria com o município, a pedido da prefeitura localO Departamento de Trânsito do Estado (Detran) encerra, nesta sexta-feira (26), uma ação educativa de trânsito em Benevides, na Região Metropolitana de Belém. O trabalho ocorre em parceria com o município, a pedido da prefeitura local, devido ao aumento dos índices de acidentes, principalmente entre dezembro de 2020 e fevereiro deste ano.

A programação iniciou na segunda-feira (22), no Centro Integrado de Conhecimento de Benevides (CIC), com uma reunião de planejamento estratégico para a cidade. Os agentes de trânsito do município tiveram a oportunidade de estreitar os laços de trabalho e trocar conhecimentos e experiências com a equipe do Detran, para aperfeiçoar suas práticas no desempenho da profissão e absorver novos procedimentos. 

A ação conjunta entre os servidores do Detran e da Secretaria Municipal de Defesa Social, Transporte e Trânsito de Benevides (Semdestran) realizou paradas educativas nas principais vias da cidade, com distribuição de material informativo na área comercial e orientação dos condutores de veículos sobre os fatores de risco de acidentes. O principal objetivo foi alertar para os riscos que cada condutor e pedestre pode assumir quando não são adotados os mecanismos de segurança e proteção no trânsito.

Até quinta-feira (25), mais de 710 veículos e, aproximadamente, 1.060 pessoas foram abordados, além de 82 estabelecimentos orientados e 845 pessoas atendidas.

Os principais fatores de risco observados pela equipe foram: motociclistas e passageiros sem capacete de segurança, conduzindo veículo utilizando sandália, pilotando com viseira levantada, passageiros sem fazer uso do cinto de segurança, dirigir veículo sem ter carteira de habilitação, não fazer uso da cadeirinha para criança no banco traseiro, excesso de passageiros, objetos soltos dentro do veículo, uso de celular e transporte de criança menor de 7 anos em motocicleta.

A gerente de cultura de trânsito do Detran, Giovanna Carvalho, coordena a equipe e explica que a ação educativa leva em consideração as características do município. No caso de Benevides, onde há a presença de diversos balneários, a parada educativa também chamou a atenção sobre a Lei Seca, o excesso de velocidade e uso do capacete nos pontos de acesso a esses espaços de lazer, como os distritos de Santa Maria, Benfica e Murinin. “Esperamos que com esses trabalhos educativos, as pessoas possam ter mais conscientização e que haja a multiplicação desses valores que estamos transmitindo para a população”, ressalta.

*Colaboração: Celso Junior.

Por Leidemar Oliveira (DETRAN)