Codec discute melhorias para o Distrito Industrial de Parauapebas

A Companhia de Desenvolvimento Econômico do Pará orienta o município sobre o funcionamento e atratividade de novos investimentos

11/02/2021 13h13 - Atualizada em 11/02/2021 15h22
Por Igor Nascimento (CODEC)

Em reunião nesta quinta-feira (11), Codec apresentou conjunto de iniciativas para maior dinamismo do Distrito Industrial de Parauapebas A Companhia de Desenvolvimento Econômico do Pará (Codec) promoveu, nesta quinta-feira (11), uma reunião na qual apresentou um conjunto de melhorias para o Distrito Industrial do município de Parauapebas, no sudeste estadual. O encontro contou com as participações do presidente da Codec, Lutfala Bitar; do diretor de Estratégia e Relações Institucionais, Pádua Rodrigues; do diretor Técnico, Raimundo Wanderley; e da equipe da Prefeitura, liderada pelo secretário municipal de Desenvolvimento, Edmar Milhomem. 

Diferentemente dos Distritos Industriais estaduais em Barcarena, Belém, Marabá e Ananindeua, a área industrial de Parauapebas é administrada pela prefeitura, e desde o ano passado conta com o apoio técnico da Codec para a implementação de melhorias em diversos aspectos, após a celebração de um Termo de Cooperação Técnica. O objetivo é melhorar o funcionamento do DI e viabilizar a instalação de novos investimentos na localidade.

Entre as proposições feitas pela Codec figuram a elaboração de um ‘passo a passo’ para regularização fundiária da área total do Distrito, com objetivo de oferecer mais segurança jurídica aos investidores que desejam se instalar na localidade; a criação de uma Companhia Mista para administrar o DI, nos moldes da estrutura existente no âmbito do governo estadual; além da criação do Conselho Municipal de Desenvolvimento de Parauapebas, um instrumento para a definição de prioridades na área de desenvolvimento econômico.

Diretor de Estratégia e Relações Institucionais da Codec, Pádua Rodrigues destacou a importância tanto de ações voltadas para a garantia da infraestrutura e logística no município quanto para a segurança jurídica para os investidores, condição necessária para a atração de investimentos. “Desenvolver uma região depende, necessariamente, de infraestrutura e logística. Só existe atração de investimentos se tivermos esses dois fatores garantidos, além de, claro, a garantia de matéria prima a partir de um levantamento das principais vocações econômicas locais”, explicou.  

Titular da Secretaria Municipal de Desenvolvimento de Parauapebas (Seden), Edmar Milhomem reforçou a importância da parceria com o Estado, ressaltando as ações em curso para o desenvolvimento do município. “A prefeitura está totalmente aberta para manter a parceria com o Estado nessas ações, inclusive a criação do Plano Municipal de Investimentos (PMI), pela prefeitura, reforça o nosso objetivo de levar mais desenvolvimento a Parauapebas”, concluiu. 

As atuais propostas de melhoria para o DI de Parauapebas, que seguem em discussão, resultarão em um Plano de Trabalho que contemplará todas as ações consideradas fundamentais. O Guia do Investidor do município, em desenvolvimento, também será uma das entregas finais da parceria entre Estado e Prefeitura.