Polícia Civil resgata três cães e indicia donos pelo crime de maus-tratos

A ação foi realizada por agentes da Divisão Especializada em Meio Ambiente e Proteção Animal, após denúncia de vizinhos

22/12/2020 17h59 - Atualizada em 22/12/2020 22h15
Por Roberta Meireles (PC)

No meio de muito entulho e fezes, sem água e comida, três cachorros foram resgatados por policiais civis da Divisão Especializada em Meio Ambiente e Proteção Animal (Demapa), na manhã desta terça-feira (22), no bairro Cabanagem, em Belém.Os policiais da Demapa durante a retirada dos animais dos ambientes insalubres

Os agentes foram a dois endereços localizados na mesma rua do bairro, após denúncia de que os cães viviam em situação insalubre e sofriam agressões dos donos. No primeiro imóvel foi possível comprovar o crime contra dois animais. Um deles estava com uma pata quebrada e o outro precisa de tratamento quimioterápico.

No segundo endereço, a dona alega ter doado o animal para outra pessoa, que o abandonou. Porém, o cachorro foi encontrado na porta da residência com visão debilitada e desnutrido, e ainda com suspeita de leishmaniose.

A mulher foi levada para prestar esclarecimentos e responderá a inquérito policial. Os animais foram resgatados e encaminhados ao Hospital Veterinário Municipal.Os cães foram encontrados desnutridos e doentes

Em seguida, os agentes foram a uma feira no bairro da Pedreira, onde localizaram os donos dos cães do primeiro endereço e os conduziram à Divisão Especializada para os devidos procedimentos, onde deram voz de prisão pelo crime de maus-tratos, previsto no Artigo 32 da Lei nº 9.605/1998.  

Segundo a delegada Rosa Malena, da Demapa, as denúncias são muito graves. "Após a denúncia realizada ontem, de imediato realizamos as diligências para verificar a veracidade dos fatos, e após essa comprovação conseguimos autuar os autores. Vamos continuar combatendo esse tipo de crime contra os animais", afirmou.