Estado inicia obras para reconstrução do prédio do Comando de Missões Especiais da PM

02/12/2020 18h13 - Atualizada em 03/12/2020 09h26
Por Leonardo Nunes (SECOM)

O governador Helder Barbalho assinou, na tarde desta quarta-feira (02), a ordem de serviço que autoriza o início imediato das obras para revitalização e modernização do prédio histórico utilizado pelo Comando de Missões Especiais (CME), no bairro da Cremação, em Belém.

“Este prédio centenário, construído ainda pelo então prefeito de Belém, Antônio Lemos, há 12 anos foi esquecido e abandonado. Hoje, estamos aqui para iniciar as obras que resgatam essa história e, acima de tudo, para que a estrutura aqui existente possa efetivamente permitir que a Polícia Militar e Comando de Missões Especiais voltem a servir, a partir deste quartel, à nossa sociedade”, destacou o governador.

A solicitação de suplementação do orçamento da Polícia Militar para execução do projeto de reconstrução dos dois prédios, foi uma proposta do comandante-geral da corporação, coronel Dilson Júnior. O comandante justifica que a recuperação total do local vai possibilitar a formação de mil novos policiais militares a cada 10 meses.

“O projeto vai respeitar as características históricas do local. O trabalho de modernização do quartel simboliza o trabalho de reconstrução que o Governo está fazendo no sistema de segurança pública do Estado. Esse é um dia muito importante para Polícia Militar, pelo resgate de nossa bicentenária história”, destacou o coronel da PM.

O engenheiro civil que atua na obra de modernização do local, José Junior, ressalta que as intervenções irão priorizar a área estrutural e características históricas. A previsão é que o canteiro de obras gere 25 empregos diretos. “A obra compreende uma readequação completa do prédio e adequação do layout. Vamos restaurar pisos e paredes, construir um novo telhado e dar reforço à estrutura que está deteriorada. A estimativa é de realizarmos a obra em oito meses”, disse.

O secretário de Estado de Segurança Pública e Defesa Social, Ualame Machado, destacou a importância histórica do edifício para a Polícia Militar e a comunidade do entorno. “Mais uma vez estamos resgatando a história e a imagem da Polícia Militar. Entregar esse prédio exerce uma importante missão dentro da PM. Vamos entregar essa obra para toda sociedade, em especial, a comunidade aqui da Cremação que, historicamente, acompanha o trabalho desenvolvido por este Comando”, ressaltou.

Também participaram do evento o delegado-geral da Polícia Civil, Walter Resende, e diferentes representantes das instituições ligadas à segurança pública, entre elas, o Ministério Público Militar.