Arcon informa sobre a entrega das carteiras da gratuidade em Ananindeua

Retirada do documento acontece mediante prévio agendamento no Instituto de Pessoas com deficiência de Ananindeua (IPDA)

28/10/2020 13h35
Por Cybele Puget (ARCON)

 A Agência de Regulação e Controle dos Serviços Públicos do Pará (Arcon-PA) informa às pessoas com deficiência residentes em  Ananindeua, município da Região Metropolitana de Belém (RMB), que ainda não foram buscar a nova carteira da gratuidade no modelo com QR-Code, que o documento deve ser reirado no Instituto de Pessoas com deficiência de Ananindeua (IPDA).  As carteiras estão sendo entregues no IPDA, de 9h às 12h, e das 15h às 17h, de segunda-feira a quinta-feira, no Conjunto Cidade Nova 6, WE 77, nº 640.

A diretora de Controle Financeiro Tarifário da Arcon, Denise Pimenta destacou que já foram entregues mais de 700 carteiras aos beneficiados moradores em Ananindeua. “Nós firmamos a parceria com o Instituto de Pessoas com deficiência de Ananindeua para facilitar a retirada da carteirinha em seu município de origem, por isso desde o ano passado estamos realizando a entrega no Instituto. 

Presidente em exercício do IPDA, Iranilson Silva orientou ainda que as pessoas com deficiência que deram entrada na solicitação do benefício nas Unidades de Referência Especializada (URE/Sespa) em Belém, e que apresentaram comprovante de residência de Ananindeua, também devem se dirigir até o IPDA para receber a carteira da gratuidade. “O benefício que dá direito ao acompanhante também pode ser retirado por um familiar do usuário, munido de documentos que comprovem o parentesco”, acrescentou Iranilson Silva.

Com a carteira da gratuidade em mãos, Gleide Costa, que possui dificuldade motora nos braços, faz planos de viagens. “Agora vou conseguir visitar meus familiares que moram em Capanema, São Francisco e Igarapé – Açu e dar atenção em casos de necessidades, já que estava sem condições de comprar as passagens”.  

Eloisa da Costa foi buscar a carteira da gratuidade do marido, Reginaldo Vieira da Costa, que é cadeirante. Ela ficou satisfeita com o benefício e quer viajar, também, para visitar seus familiares em Cametá. “Há dois anos meu marido perdeu uma das pernas por conta do diabetes, estamos sem condições financeiras para viajar, por isso a carteira veio nos dar essa alegria de rever os parentes”.

Devido à pandemia, todos os atendimentos para a retirada da carteira da gratuidade estão sendo realizados mediante prévio agendamento no IPDA, através do telefone: (91) 999440333.