Escola Presidente Costa e Silva é a 47ª revitalizada e entregue pelo Estado

Comunidade escolar passou de um ambiente insalubre para salas climatizadas e melhor infraestrutura de aprendizagem

26/10/2020 18h51 - Atualizada em 26/10/2020 20h03
Por Lilian Guedes (SEDUC)

O governador Helder Barbalho e a secretária Elieth Braga no laboratório de informática da Escola Presidente Costa e SilvaA Escola Estadual de Ensino Fundamental, Médio e Técnico “Presidente Costa e Silva” é a 47ª unidade de ensino da rede pública estadual revitalizada pelo Governo do Pará, desde janeiro de 2019, e entregue à população. O número reforça o compromisso do governo com a garantia de uma educação de qualidade para os 575 mil alunos da rede estadual pública de ensino.

A cerimônia de entrega ocorreu na tarde desta segunda-feira (26), com a presença do governador Helder Barbalho; do vice-governador Lúcio Vale; da secretária de Estado de Educação, Elieth Braga, e do capitão Vieira - representando o coronel Campos Mota, comandante do 2° Batalhão de Infantaria de Selva (BIS) do Exército brasileiro. Descerramento da placa que marca a entrega da escola revitalizada

Em mais um compromisso cumprido com a comunidade estudantil, o chefe do Executivo ressaltou a importância dos investimos feitos pelo governo na educação. “Isso é fruto de um trabalho diário de mudar a realidade da educação no nosso Estado. Nós herdamos um cenário completamente desafiador, estando em declínio na avaliação do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica), um dos estados com maior número de evasão escolar. E isto tudo é um processo de mudança, que exige de nós iniciativa para a construção deste novo momento”, informou o governador.Governador Helder Barbalho informou os investimentos feitos pelo governo e pediu aos alunos que preservem a escola

Sobre o atual cenário, Helder Barbalho informou que “nós temos mais de mil escolas diretas e indiretas sob a gestão da Seduc, e dessas cerca de 800 precisam de alguma forma, de algum reparo ou de melhoria. E nós temos, semanalmente, a oportunidade de entregar escolas reconstruídas para a comunidade escolar”.A Escola Presidente Costa e Silva atende 1.023 alunos na educação fundamental, ensino médio e técnico e Atendimento Educacional Especializado

Zelo pelo patrimônio - Ele também pediu aos alunos que cuidem do patrimônio que estão recebendo. “Eu tenho um pedido a fazer: cuidem da escola. Vocês cuidam daquilo que já está pronto e a gente avança nos investimos para deixar a Escola Costa e Silva cada vez melhor e mais bonita”, enfatizou o governador.

A estudante Monise Santos lembrou como era a escola e expressou sua satisfação com o novo ambienteA unidade foi revitalizada, e agora tem salas de aula climatizadas, novas redes hidráulica e elétrica, espaço de convivência, laboratório de informática, auditório, quadra de esporte, barras de proteção e rampas de acessibilidade, além de toda a arborização do espaço, o que assegura maior comodidade e melhores condições de aprendizagem.

A diretora Lucia Troccol ressaltou a importância da conquista para a comunidade escolar Conquista - Para a diretora da Escola Costa e Silva, Lucia Troccoli, “é uma grande conquista para a nossa comunidade. Graças a esse novo governo, nós tivemos essa vitória, principalmente pela adaptação do espaço aos alunos da educação especial”. A escola atende 1.023 alunos na educação fundamental, ensino médio e técnico e Atendimento Educacional Especializado (AEE).

Monise Santos, aluna da 3ª série do ensino médio, estuda na unidade há quatro anos e assegurou que a realidade era outra. “Quando eu cheguei aqui as salas eram só goteiras. Tínhamos uma estrutura horrível e bastante precária. Hoje, a visão é completamente outra. Está tudo organizado. Gostei muito e estou bastante feliz. Dá até vontade de voltar”, reiterou a estudante. A secretária Elieth Braga disse que a meta é oferecer escolas dignas e educação de qualidade a todos os estudantes

Segundo a secretária Elieth Braga, o objetivo é avançar e levar educação de excelência a todas as regiões do Pará. “Nós estamos buscando oferecer escolas dignas, para que possamos oferecer uma educação de qualidade aos nossos alunos. É um momento novo que estamos vivendo em razão da pandemia, mas o Governo do Pará, apostando nesses alunos, reforça novamente a recarga do vale-alimentação de forma gradual, e também já entregou os chips para os alunos concluintes do ensino médio, de forma a proporcionar a esses alunos as melhores condições. É momento de celebrar e agradecer”, ressaltou a titular da Seduc.Salas climatizadas agora fazem parte da realidade dos alunos

Durante a cerimônia de entrega da escola, localizada na Avenida Almirante Barroso, em Belém, a Fundação ParáPaz ofereceu serviços gratuitos à comunidade, como emissão da carteira de identidade e balcão de direitos, com orientações de servidores da Defensoria Pública.