Hemopa de Capanema recebe a parceria do Rotaract Club para captar doadores de sangue

Dezoito da região dos Caetés foram levados ao município vizinho e ajudaram a manter o estoque

12/09/2020 16h23 - Atualizada em 14/09/2020 11h55
Por Anna Cristina Campos (HEMOPA)

Moradora do município de Quatipuru, no nordeste paraense, Deyse Silva, 20 anos, ficou sabendo da iniciativa do Instituto Rotaract Club em oferecer carona solidária para doadores de sangue voluntários, e decidiu aproveitar a oportunidade para fazer sua primeira doação no Hemopa de Capanema, a cerca de 1 h de carro do município onde reside.

“Fiquei muito feliz, e estou rezando para que meu sangue esteja em ótima condição para ser doado. A gente nunca sabe se um dia vai precisar, mas tem uma grande oportunidade de ajudar o próximo. Ajudar uma criança, uma mãe, pai, tios, primos, enfim, toda uma família. Obrigada a todos do Hemopa, que me receberam superbem”, declarou Deyse.Os doadores voluntários entraram na rede de solidariedade que mantém os estoques de sangue

O Rotaract é um clube de serviços, parceiro do Rotary internacional, que promove ações sociais em Capanema. Esta é a segunda vez que o Rotaract oferece apoio ao Hemonúcleo de Capanema para transportar doadores de sangue até a unidade de coleta.

"Ouvimos muitos relatos de pessoas que moram longe de Capanema, mas não tinham como chegar ao Hemonúcleo. Então anunciamos na internet e na TV local, e recebemos muitas mensagens. Vamos continuar com esse gesto de amor e carinho ao próximo em outros momentos", disse Aretha Mendonça, presidente do instituto Rotaract Club e coordenadora da ação.

A equipe da carona solidária conseguiu transportar 18 voluntários, de diversas partes da região nordeste, o que ajudou significativamente a abastecer o estoque do Hemonúcleo de Capanema.

"Fazer o bem" - Raylan Oliveira, 22 anos, acadêmico do curso de Agronomia, também contribuiu com a corrente solidária. "Sempre vi o ato de doar sangue como um exemplo muito bonito a ser seguido. Ele reflete o quanto nos importamos com a vida do próximo, mesmo não o conhecendo. Doar sangue é a concretização da frase: fazer o bem, sem olhar a quem".Integrantes do grupo de doadores que foi de Quatipuru para Capanema

A doação de sangue é um ato de generosidade e não causa nenhum problema ao doador. Para doar, a pessoa deve ter entre 16 e 69 anos (menores de idade devem estar acompanhados do responsável legal), ter mais de 50 kg, estar em boas condições de saúde e apresentar um documento de identificação oficial, original e com foto (RG, CNH, passaporte ou carteira de trabalho).

Quem já teve Covid-19 deve esperar 30 dias após a cura para doar, e quem manteve contato com pessoas infectadas pelo novo coronavírus deve esperar 14 dias após o contato.

Serviço:

O Hemonúcleo de Capanema fica na Rodovia BR-308, KM-0, s/n, no bairro São Cristóvão. O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 7 às 12h30. Contato: (91) 98568-3339.