Abertura de empresas no Pará cresceu quase 20% durante a pandemia

Levantamento da Jucepa é baseado nos números de março a agosto de 2020, em comparação ao mesmo período do ano passado

01/09/2020 12h51
Por Fabíola Uchôa (JUCEPA)

Segundo o relatório de registro mercantil da Junta Comercial do Estado do Pará (Jucepa), o número de abertura de empresas voltou a crescer no estado do Pará entre março e agosto de 2020. Nesse período, foram abertas 37.177 empresas. O número foi maior do que o registrado no mesmo período de 2019, quando 31.106 empresas foram abertas.

O levantamento também mostra que foram fechadas 7.784 empresas. Em 2019, esse número foi de 10.015. Ou seja, em relação a 2019 foi registrado um aumento de 19,52% na quantidade de empresas abertas e uma redução de 22,28% na quantidade de empresas extintas. 

Quando analisados os setores, comércio representa 53% de todos os novos empreendimentos em 2020, seguido por serviços, 37%, e indústria, 10%. O setor de serviços continua puxando a alta no Estado, com variação anual de 2% entre agosto do ano passado e deste ano.

“A alta representa que, mesmo diante do cenário desafiador da economia no país, as pessoas estão conseguindo manter seus negócios, somados aos investimentos do governo do Estado e a modernização dos serviços da Jucepa 100% Digital, que favorece a economia e agiliza os processos de abertura de empresas”, destaca a presidente da Jucepa, Cilene Sabino.

A Jucepa Digital está em atividade desde fevereiro de 2020 e permite que serviços como constituições, alterações, extinções e arquivamento de outros documentos de interesse do empresário possam ser feitos de forma remota, pela Internet. O sistema trouxe agilidade e simplicidade ao processo de abertura de empresas no Pará.