Empresários aderem à campanha de incentivo ao turismo regional

28/08/2020 17h00 - Atualizada em 28/08/2020 17h33
Por Israel Pegado (SETUR)

São Felix do XinguCom a pandemia do novo coronavírus, o turismo foi um dos setores da economia mais afetado, sendo o primeiro a fechar e um dos últimos a voltar. Dessa forma, a Secretaria de Turismo do Estado (Setur), em parceria com órgãos do Governo do Estado e com empresários do ramo, lançaram, a campanha #RedescobrirOPará. A ação faz parte do Plano de Retomada da Atividade Turística no Pará, o “Abre Caminho”, que é conduzido de acordo com os protocolos de segurança sanitários estabelecidos pelo Governo do Estado.

“A campanha surge para fomentar o turismo local, para o paraense redescobrir o seu próprio Estado, conhecer aqueles lugares que ele não conhecia ou revisitar aqueles lugares que ele já foi, agora com um novo olhar”, explica André Dias, secretário de Turismo do Estado.

O secretário ressalta que trata-se de uma campanha que foi criada e concebida em conjunto pela iniciativa privada e pelo Estado, e a implementação também se dará em conjunto, e que “é fundamental que a iniciativa privada possa aderir a campanha e com isso poder usar tanto no meio físico, quando no meio digital as logomarcas que foram criadas, para que possa, efetivamente, causar um impacto”.

Para a sócia-proprietária da Monotour, Raquel Ferreira do Carmo, a ação chega em um momento importante para mostrar ao povo paraense a importância de “redescobrir, efetivamente, o nosso Estado”. “Nós recebemos com muita felicidade, porque agora a Secretaria está mostrando o potencial do Pará. E para nós é uma alegria muito grande porque esse já era o foco do nosso trabalho, nós iniciamos na área do turismo pensando, exatamente, nisso: em mostrar o Pará para o paraense e para o turista de fora”, declara, Raquel do Carmo.

A Monotour, está há um ano no mercado, a principal base da empresa é o turismo regional, com foco no turismo de experiência e no turismo de base comunitária. Com a pandemia, a agência parou as atividades e só agora tem uma previsão de retomada para o dia 27 de setembro. 

Fundada há 18 anos, a Rumo Norte Expedições, operadora de turismo receptivo, especializada em natureza e aventura na Amazônia Brasileira, já atendeu clientes das principais operadoras nacionais de ecoturismo e alguns poucos operadores de turismo de luxo brasileiras. E a pandemia afetou fortemente a empresa, que teve que dispensar funcionários e remodelar os planos. Mas o diretor, Gelderson Pinheiro, ressalta que o espírito desbravador e "nossos anfitriões nos permitem criar experiências transformadoras para viajantes comuns, levando-os aos lugares mais remotos dessa região com conforto, segurança e um alto grau de interação com o meio ambiente”.

Conceição do AraguaiaCampanha chega para fortalecer a retomada do turismo

Gelderson Pinheiro considera a iniciativa importante porque demonstra a preocupação do Estado em incentivar o turismo interno sem esquecer o turismo doméstico. “Esperamos que com a campanha o Estado do Pará preencha o seu espaço na internet, que os destinos preencham seu espaço na internet, que os agentes preenchem seu espaço no mercado regional”, declara Gelderson Pinheiro.

A Brazil Amazon Tur, agência que tem o foco no turismo receptivo aqui no Estado, e no turismo emissivo, ficou quatro meses parada e agora conseguiu voltar com o turismo receptivo, mas com dois eventos. Alex Flávio, diretor da agência, acredita que a campanha veio no momento certo, pois as pessoas tendem a procurar destinos mais próximos, agora. “Essa campanha vem certo no que vai ser a retomada: a priori as pessoas vão viajar para lugares mais perto. Além disso, poucas pessoas podem dizer que conhecem os quatro cantos do Pará, que é muito grande, e a campanha vai ajudar proporcionar isso”, diz Alex Flávio. 

A Monotour investiu nas redes sociais para manter o nome da agência visível, e agora, será o principal meio de divulgação da campanha. “Como nós temos uma força nas redes sociais, nós vamos usar a marca nos vídeos, nas nossas postagens, nas hashtags. Nós pretendemos fixar os cartazes nos nossos restaurantes parceiros, disponibilizar os adesivos para os nossos clientes, nos nossos uniformes e nos equipamentos de seguranças, mas o principal vai ser nas redes sociais”, explica Raquel do Carmo. Na Rumo Norte Expedições, Gelderson Pinheiro diz que já vão começar a usar a hashtag (#RedescobrirOPará) e nos próximos dias vão estudar outras formas de estabelecer a campanha. Na Brazil Amazon Tur, eles também pretendem investir nas redes sociais para movimentar a campanha.

A sócia-proprietária da Monotour destaca que é muito importante tornar acessível as informações sobre os lugares, para que as pessoas conheçam a beleza do Pará. “Nós estamos com muita expectativa de a campanha #RedescobrirOPará estimule o paraense a viajar pelo Pará, e claro, gere emprego, renda para as nossas comunidades e para as pessoas que dependem do turismo como fonte de renda” finaliza Raquel do Carmo. 

“O principal da campanha é fomentar que o turismo possa retomar de maneira segura e rápida, para ajudar os negócios na recuperação e, ao mesmo tempo, para que os paraenses passam ter um novo olhar sobre o seu próprio estado, compreender melhor suas próprias raízes”, afirma o secretário de Turismo, André Dias.

Com a colaboração de Aila Beatriz Inete