Censo Escolar encerra primeira etapa de cadastro no próximo dia 21

11/08/2020 14h09 - Atualizada em 11/08/2020 14h57
Por Leidemar Oliveira (DETRAN)

O Censo Escolar está na reta final da 1ª etapa e os gestores devem acessar o Sistema EducaCenso para declarar os dados dos alunos até o dia 21 de agosto de 2020. A primeira etapa consiste no preenchimento da matrícula inicial, quando ocorre a coleta de informações sobre os estabelecimentos de ensino, gestores, turmas, alunos e profissionais escolares em sala de aula.

Até o momento, das 902 escolas estaduais aptas a declarar o Censo, 38,2% (345) concluíram o processo. Ainda há 34 escolas fazendo retificação dos dados no sistema e 523 escolas pendentes da declaração.

Além da mobilização da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), outras instituições, como a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), as Associações de Municípios e Conselho Estadual de Educação, têm colaborado na sensibilização das escolas das redes de ensino municipal e privada que também devem declarar os dados ao Censo Escolar.

O monitoramento das escolas é realizado pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc). O Coordenador Estadual do Censo Evandro Feio  destaca a importância de concluir o trabalho de cadastro com antecedência. “É com base nas informações declaradas pelas escolas que são feitos os repasses dos recursos do governo federal para os estados realizarem as ações e políticas educacionais planejadas. Nesse sentido, é importante ter muita atenção para não deixar aluno de fora e para que cada escola, e o Estado como um todo, recebam seus recursos inerentes aos alunos matriculados na rede”, diz o coordenador.

Evandro ressalta que os dados das escolas devem ser informados antes do prazo final, para que haja tempo de corrigir erros e evitar problemas de congestionamento do sistema Educacenso, que são comuns nos últimos dias de coleta. 

O cadastro é obrigatório e implica em sanções para a unidade que não executar as informações, entre elas o não repasse dos recursos do transporte e de alimentação escolar. Além disso, caso a escola não participe, há um impacto na avaliação da educação, já que os dados definem o fluxo escolar, e o público participante do Saeb (Sistema de Avaliação da Educação Básica), lembrando que Fluxo em conjunto com o desempenho nas avaliações definem o principal indicador educacional do país, o Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica).