Com medidas de segurança, Mangal das Garças reabre neste sábado (18)

Uso de máscaras de proteção é obrigatório, assim como o distanciamento social entre os visitantes

17/07/2020 11h43 - Atualizada em 17/07/2020 17h28
Por Beatriz Pastana (Pará 2000)

Quase quatro meses depois, Mangal das Garças reabrirá ao público seguindo algumas recomendaçõesO Mangal das Garças será reaberto ao público neste sábado (18), seguindo algumas medidas de segurança. O local, que costuma receber mais de 300 mil visitantes ao ano, estava fechado desde 20 de março devido à pandemia da Covid-19. Para acesso ao espaço, que manterá o horário de funcionamento normal de 9h às 18h, o uso de máscaras de proteção é obrigatório, assim como o distanciamento social.

Alguns espaços estarão abertos para visitação, desde que o público obedeça as normas de distanciamento mínimo. São eles: Museu Amazônico da Navegação, Viveiro das Aningas, Reserva José Márcio Ayres (borboletário) e o mirante do rio. Já o Farol de Belém, neste primeiro momento, permanecerá fechado como forma de prevenção. 

Para a reabertura, a Organização Social Pará 2000, que administra o Mangal das Garças, implementou um protocolo de segurança que conta com a fixação de dispensers de álcool em gel 70% em pontos estratégicos, bem como cartazes com orientações sobre o novo coronavírus, além de sinalização de distanciamento mínimo de 1,5m entre as pessoas. Outras medidas como intensificação na limpeza dos banheiros, pisos e paredes foram tomadas. 

Os orientadores de públicos foram treinados para garantir que não ocorra aglomeração de pessoas. O cuidado com os animais também foi reforçado. Além disso, os locatários do parque receberam instruções de higienização para aplicar nos quiosques e restaurante, que também estarão em funcionamento, obedecendo todas as orientações do decreto municipal para o segmento.

Serviço

Reabertura Mangal das Garças

Data: 18 de julho (sábado)

Funcionamento: 9h às 18h.

Entrada franca