Procon Pará orienta sobre compras para o Dia das Mães

07/05/2020 16h18 - Atualizada em 07/05/2020 17h23
Por Claudiane Santiago (SEJUDH)

O Procon Pará, vinculado à Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), orienta os consumidores sobre as compras para o Dia das Mães, comemorado no próximo domingo (10), durante o atual cenário de isolamento social em virtude da pandemia do novo coronavírus.

Para o titular da Sejudh, Rogério Barra, o ideal seria dar prioridade ao comércio local da cidade ou bairro por meio das compras delivery, para impulsionar a economia e o serviço do pequeno negócio. “Antes de ir às compras on-line, procure encontrar um delivery próximo. Muitos estão se reinventando e fazendo entregas por telefone ou vendendo pelas redes sociais. Além disso, fica mais fácil realizar o pagamento ou de resolver algum problema que eventualmente possa ocorrer”, enfatiza o secretário. 

Mas, caso o consumidor opte pelas compras online, o Procon faz alguns alertas para adquirir o presente de forma segura e sem sair de casa. Entre as dicas, o consumidor deve tomar cuidado ao escolher a loja virtual, verificando a reputação do site, atentar aos valores dos produtos ou serviços que estão sendo ofertados, comparar com a média de preço em outros sites, além analisar os prazos de entrega e a política de troca e devolução.

“Existe um site chamado Consumidor, nele o consumidor pode pesquisar o índice de reclamações da loja que ele pretende fazer sua compra, desta forma ele evita de cair em cilada”, esclareceu o diretor do Procon, Nadilson Neves.

A coordenadora de fiscalização, Ágatha Barra, ressalta a importância de cobrar a nota fiscal. “Mesmo comprando pela internet, o consumidor tem direito à nota fiscal, é ela que legitima a compra do produto ou serviço”, frisou. 

Para a técnica de almoxarifado, Erica Alves, que mora em Campina Grande – Paraíba há mais de um ano, poder comprar o presente da sua mãe, que mora em Belém, foi mais fácil por causa da internet. “Como eu moro em outro estado, então pesquisei uma loja de Belém que oferecesse o serviço de entrega para que eu pudesse presentear minha mãe, uma forma de alegrá-la mesmo neste momento difícil”, lembrou.

Serviço – Para denúncias, o Procon segue com os canais de atendimento no 151 e whastapp (91) 99230-0151.