Governo executa limpeza de canais nos bairros Guamá e Terra Firme

Ação é realizada por mais de 40 trabalhadores e tem como objetivo evitar alagamentos nas áreas

31/03/2020 13h03 - Atualizada em 31/03/2020 16h04
Por Matheus Rocha (SEDOP)

Há 30 anos, a dona de casa Maria Auxiliadora Lopes tem como endereço a rua Caraparú, no bairro do Guamá, em Belém. Da porta de sua residência, ela observa a ação dos mais de 40 trabalhadores que, desde a última sexta-feira (27), atuam na limpeza e desobstrução do canal Caraparú.

“Ultimamente, sempre que chove, as casas enchem. Há mais de dois anos, não é feita a dragagem no canal e a limpeza não é feita com frequência. Do jeito como está sendo feito agora está ótimo. Com o canal mais limpo, também diminui a presença de ratos e insetos, gerando mais saúde para os moradores. Quero dizer que o governador Helder Barbalho está de parabéns pela ação”, afirma dona Maria Auxiliadora.

O canal Caraparú, no Guamá, é mais um local que está sendo contemplado pelas ações emergenciais de limpeza que estão feitas pelo governo do Estado, através da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas (Sedop). Segundo Carlos Alexandre Moraes, encarregado pelo serviço na área, o trabalho no canal é manual e apresenta um alto grau de dificuldade, por conta da grande quantidade de mato, lixo e entulho despejados às margens e até dentro do local. “Até carcaças de televisão já foram retiradas pelas nossas equipes”, conta o encarregado. 

Pertencente à Bacia Hidrográfica do Tucunduba, o canal Caraparú tem mais de 500 metros de extensão e percorre ruas do bairro do Guamá. A área é extremamente residencial e muitos moradores, como a aposentada Terezinha Moraes Costa, de 72 anos, temem pelos alagamentos que costumam ser frequentes no local.

“Há uma semana, a água veio na porta de casa. Por aqui, eu já vi muita gente perdendo seus móveis. A ação de limpeza vai melhorar a situação, se Deus quiser” - Terezinha Moraes Costa, aposentada. 

Terra Firme – Ao longo desta semana, os trabalhos de limpeza também serão intensificados ao longo do canal Lago Verde, no bairro da Terra Firme. Nesta terça, os trabalhadores atuaram na limpeza das margens, próximo à Passagem Vera Cruz. 

Seu Raimundo Nonato Mora está há 32 anos no local sabe muito bem como é difícil viver na área em períodos de chuva. “Essa limpeza vai ajudar. Aqui, quando chove, a água sobe e invade as casa. As crianças não podem brincar e ninguém pode sair. Qualquer chuva enche tudinho”, afirma o morador.

O trabalho no canal Lago Verde vai seguir ao longo de toda a semana, com a atuação de dezenas de trabalhadores, divididos em várias frentes de trabalho. Será feita a limpeza manual do canal, com o objetivo de amenizar os alagamentos na área.