Sespa reforça recomendações importantes para prevenção da Covid-19

Pessoas que apresentem sintomas da doença devem procurar as unidades básicas de saúde

19/03/2020 11h30 - Atualizada em 19/03/2020 12h53
Por Larissa Noguchi (SECOM)

Alberto Beltrame, secretário de Saúde do ParáCom o primeiro caso de novo coronavírus confirmado no Pará, a Secretaria de Estado de Saúde Pública do Estado (Sespa) reforça as orientações e cuidados para combater a Covid-19. O secretário da pasta, Alberto Beltrame, reitera que as pessoas que apresentarem tosse e coriza devem, imediatamente, permanecer em casa, em isolamento domiciliar. Os demais, com sintomas mais graves, como dificuldade de respirar, devem procurar as unidades de saúde.

“Destacamos que a pessoa que sente os sinais leves e moderados de gripe, como tosse, febre e coriza, fique em isolamento em casa e siga as recomendações do Ministério da Saúde e das secretarias. Deixem os atendimentos nas UPAS (Unidades de Pronto Atendimento), pronto socorros ou hospitais para casos mais graves, com sinais mais agudos, como a dificuldade de respiração” - Alberto Beltrame, titular da Sespa. 

De acordo com a Secretaria, as Unidades Básicas estão capacitadas para fazer o atendimento de todas as pessoas para prestar orientações, tratar e coletar amostras para esclarecimento e diagnóstico, sendo caso suspeito ou não de coronavírus. Os casos leves e moderados serão acompanhados pelas unidades básicas, por meio das equipes de Saúde da Família. 

Sintomas:

- Febre
- Tosse
- Dificuldade para respirar

Diagnóstico – O diagnóstico é feito com a coleta de materiais respiratórios (aspiração de vias aéreas ou coleta de secreções da boca e nariz). O procedimento deve ser realizado para todos os casos suspeitos que atendam os critérios determinados pelo Ministério da Saúde. 

É importante ressaltar que a pessoa que apresente sintomas avalie histórico de viagem em área de transmissão local, de acordo com a OMS ou Ministério da Saúde, nos últimos 14 dias anteriormente ao aparecimento de sintomas. 

Equipes do Estado fazem orientação no aeroporto, terminal hidroviário e terminal rodoviário

No Aeroporto Internacional de Belém, equipes da Sespa estão atuando durante 24 horas (de 7h às 13 horas; de 13h às 19h e de 19h às 7h) com técnicos orientando passageiros sobre medidas de prevenção da Covid-19.

Nas ações do Terminal Rodoviário de Belém, a atuação ocorre em dois turnos, de 7h às 13h e de 13h às 19h, com técnicos dando orientações e distribuindo folderes para os que chegam à capital, como também para a população.

No Terminal Hidroviário de Belém (THB), A Sespa atua no período de 9h às 15h, período de chegada de embarcações à capital.