Governador quer união da bancada federal pelo desenvolvimento do Marajó

Em reunião com parlamentares, em Brasília, Helder Barbalho pediu o esforço de todos pela isenção de mais impostos para a região

11/03/2020 18h53 - Atualizada em 12/03/2020 10h02
Por Governo do Pará (SECOM)

Em reunião que marcou a reinauguração do núcleo da representação do Governo do Pará em Brasília (DF), nesta quarta-feira (11), o governador Helder Barbalho solicitou à bancada federal uma articulação institucional com o governo federal para viabilizar o compromisso público do presidente da República, Jair Bolsonaro, com a avaliação técnica para viabilidade da isenção de tributos federais no Arquipélago do Marajó.

O encontro com os parlamentares marcou a reinauguração do núcleo da representação do Governo do Pará em BrasíliaO compromisso do presidente Bolsonaro foi firmado no último dia 3 de março, no Palácio do Planalto, na capital federal, durante evento em defesa do Marajó, que possui o pior Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do País. "O que eu tenho a dizer aos nossos amigos (marajoaras) é que vou tomar as providências junto ao ministro da Economia (Paulo Guedes) e estudar o que fazer para isentar o que for possível nessa região. Seria algo muito parecido com uma Zona Franca do Marajó. Tenho certeza que alguma coisa sairá. Afinal, temos que integrar todo o Brasil", disse o governador.Helder Barbalho disse que buscará para o Marajó algo parecido com uma Zona Franca

Durante a reunião com os parlamentares, Helder Barbalho ressaltou que assinou decreto determinando a isenção total do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) no Marajó. A expectativa é que a União autorize a isenção de três tributos federais: Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), Programa de Integração Social (PIS) e a Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins).

Helder Barbalho reafirmou que a medida tem como objetivo atrair investimentos privados para a região e, consequentemente, gerar empregos, renda e melhorar a qualidade de vida da população. “Solicitamos, e o presidente Bolsonaro sinalizou, que irá fazer um estudo técnico. É importante que nossa bancada coloque esse assunto na pauta e articule junto à área econômica do governo federal”, reiterou o governador do Pará.

Na reunião, Helder Barbalho ressaltou que já assinou decreto para isenção total do ICMS no MarajóO coordenador da bancada federal na Câmara dos Deputados, deputado Éder Mauro, disse que os parlamentares paraenses estão comprometidos com a causa e irão atuar em Brasília para fortalecer a iniciativa e dialogar com o Executivo federal. “Vamos tomar um posicionamento, decidido através de toda a bancada, para que possamos encaminhar ao  ministro Paulo Guedes e ao presidente da República o apoio da bancada para este fim (apoio ao Marajó)”, garantiu o parlamentar. (Texto: Leonardo Nunes).

Leia também:

• Governo decreta concessão de incentivos fiscais para a região do Marajó https://www.agenciapara.com.br/noticia/18177/

• Governo oficializa pedido de isenção de impostos para o Marajó - https://www.agenciapara.com.br/noticia/18313/