Projeto 'Ela Pode' chega aos bairros do TerPaz para capacitar mulheres

Iniciativa começa neste sábado (7), na Cabanagem, desenvolvida pela Sectet em colaboração com a Fadesp

06/03/2020 11h02 - Atualizada em 06/03/2020 11h23
Por Fernanda Graim (SECTET)

O programa Territórios Pela Paz (TerPaz), do governo do Estado, lança neste sábado (7), no bairro da Cabanagem, o projeto “Ela Pode”, desenvolvido pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet) em colaboração com a Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas (Fadesp). O “Ela Pode” é uma iniciativa do Instituto Rede Mulher Empreendedora, maior Rede de Empreendedorismo Feminino do Brasil, com o apoio da Google, que visa capacitar duas mil mulheres nos sete bairros que compõem o TerPaz nas cidades de Belém, Ananindeua e Marituba, até o final do ano.

Dados do Dieese Pará mostram que cerca de 40% das famílias paraenses são chefiadas por mulheres. “Uma boa parte delas trabalha por conta própria ou têm uma atividade autônoma extra para conseguir fechar as contas. O ‘Ela Pode’ vem trazer capacitação a essas mulheres, prioritariamente nos bairros do TerPaz”, explica a secretária adjunta da Sectet, Edilza Fontes.

Uma das coordenadoras do “Ela Pode”, Jana Borghi, conta que as ações do projeto buscam capacitar mulheres que moram nas periferias das cidades de Belém e região metropolitana para torná-las mais confiantes e preparadas, ajudando a criarem suas próprias oportunidades de negócio ou impulsionarem as atividades que já desenvolvem, seguindo um caminho de construção de sua autonomia financeira. 

A coordenadora acrescenta que, durante as capacitações, as mulheres aprenderão a apresentar seus produtos e serviços, atribuir preços, negociar, imprimir suas marcas pessoais e ter liderança. “O mais importante, contudo, é que aprendam a confiar em si mesmas e sintam que podem empreender, gerir seus negócios e alcançar sucesso”, enfatiza Jana. As participantes do projeto também formarão redes de negócios, impulsionando entre si a venda de produtos e serviços.

Territórios – O primeiro bairro a conhecer o projeto será a Cabanagem. Neste sábado (7), a equipe estará na Escola Estadual José Valente, às 15h. Até o dia 15 de março, o projeto será apresentado nos demais bairros e, na segunda quinzena do mês, iniciam as capacitações. 

A ação deste sábado está dentro da programação que o Governo do Pará preparou, por meio do TerPaz, em alusão ao Dia Internacional da Mulher, comemorado no dia 8 de março, domingo. O objetivo é unir esforços das secretarias para proporcionar às mulheres uma série de serviços que incentivem a independência financeira, valorizem e promovam discussões importantes acerca dos desafios sociais e culturais enfrentados por elas. 

A atividade possui apoio também das Secretaria de Estado de Cultura (Secult), de Comunicação (Secom), de Saúde Pública (Sespa), Fundação ParáPaz e do Banco do Estado do Pará (Banpará).