Cultura, tradição e consciência ambiental marcam a folia no estado do Pará

Lama de manguezal, máscaras, cordão de bicho e boi-bumbá mostram a criatividade do paraense para aproveitar a festa carnavalesca

23/02/2020 21h57 - Atualizada em 24/02/2020 11h31
Por Dayane Baía (SECOM)

Em Cametá, a folia invade as águas amazônicasO Carnaval por todo o Pará encerra o fim de semana com blocos tradicionais no interior do Estado. Neste domingo (23), o bloco “Pretinhos do Mangue” reuniu centenas de brincantes cobertos de lama em Curuçá, enquanto o Arrastão do Boi de Máscaras percorreu as ruas de São Caetano de Odivelas, ambos municípios do nordeste paraense. No sábado (22), o Carnaval das Águas e o Cordão da Bicharada saíram em Cametá, na região do Baixo Tocantins.

Andreza Melo escolheu Curuçá, a 250 quilômetros de Belém, para passar a folia. Pela primeira vez ela participou do bloco conhecido nacionalmente por substituir os tradicionais abadás pela lama escura dos manguezais. “É fantástico. Espero estar aqui todos os anos a partir de agora. É uma sensação maravilhosa, de quero mais. Até Quarta-feira de Cinzas estou aqui e recomendo que outras pessoas venham conhecer”, declarou.São Caetano de Odivelas mantém a tradição dos mascarados, cabeçudos e do boi-bumbá

O bloco existe há mais de três décadas, e se caracteriza por chamar atenção para a conservação ambiental. “Foliões, não joguem garrafa pet de bebida no mangue, preservem a natureza”, pediu Maria Borges, atriz que interpreta a Matinta Encantada, na cidade que é conhecida também como “terra do folclore”.Policiamento acompanhando atento os brincantes em Curuçá

Máscaras - A tradição foi reforçada em São Caetano de Odivelas. Foliões mascarados e os cabeçudos misturaram-se a elementos dos cordões de bichos e do boi-bumbá, típicos da quadra junina. “O Carnaval não tem um formato. É diverso. É cultural”, afirmou Rondi Palha, coordenador do Boi Faceiro.

O tradicional cordão de bicho é outra atração do Carnaval em CametáNo sábado (22), o Bloco da Bicharada da Comunidade Juaba abriu a folia em Cametá. “Venham para Cametá ver o desfile da Bicharada”, convidou a organizadora da manifestação cultural, a artesã Feliciana Oliveira. Mais de 30 cordões de mascarados oriundos das ilhas próximas a Cametá fazem o Carnaval das Águas na região.

Para conferir a cobertura completa do Carnaval Por Todo o Pará, acesse as redes sociais do Governo do Estado.