Grupamento Aéreo realiza resgate aeromédico de militares na BR-163

Equipe da aeronave realizou atendimento e condução de uma das vítimas, após acidente de carro

15/02/2020 09h33 - Atualizada em 15/02/2020 10h56
Por Aline Saavedra (SEGUP)

Atendimento do coronel do Exército Carlos Octávio Krawutschke CardosoDois helicópteros do Grupamento Aéreo de Segurança Pública (Graesp), vinculado à Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup), estavam em deslocamento para o local onde ocorreu a inauguração da BR-163, quando perceberam um acidente na via. Um dos aviões interrompeu o fluxo de veículos na estrada e prestou atendimento aeromédico, embarcando e conduzindo uma das vítimas, o coronel do Exército Carlos Octávio Krawutschke Cardoso, que seguia, junto com mais quatro militares para receberem comendas durante a solenidade de entrega da pista. O fato ocorreu na manhã de sexta-feira (14). 

Em Novo Progresso, uma guarnição já o aguardavaDe acordo com o Exército, a viatura que seguia para a inauguração da BR-163 colidiu com uma carreta. Quatro dos militares sofreram escoriações leves e foram atendidos no local. O coronel Carlos Cardoso foi conduzido pelos militares até o hospital do município de Novo Progresso. Na aeronave, estava também uma enfermeira que deu todo o apoio necessário durante o voo. Ao pousar na cidade, uma guarnição do Exército já aguardava para realizar o transporte do paciente.

A ação do Graesp na sexta-feira demonstra as várias frentes de atuação. Além do atendimento aeromédico, o Grupamento Aéreo realizou ainda operação policial, com escolta e policiamento ostensivo, e o transporte de autoridades. Segundo o secretário de Segurança Pública e Defesa Social do Pará, Ualame Machado, a atuação do grupamento aéreo é completa.

"O efetivo do Graesp é capacitado, há muitos anos, a fazer o serviço de atendimento e resgate aeromédico. Faz parte da rotina o atendimento a regiões mais distantes, como o Marajó, Marabá, e todo o Estado, onde as pessoas não têm condições ou a urgência requer que se tenha o transporte aéreo, além das ações do policiamento ostensivo e transporte de autoridades, demonstrando a integração e a qualificação dos profissionais" - Ualame Machado, titular da Segup.

Capacitação – Periodicamente os profissionais do Graesp recebem capacitação e renovação de conteúdo para agirem nas mais diversas situações, desde a busca por criminosos em regiões de mata, realizando o policiamento ostensivo em dia de jogos, transportando pacientes em questões de horas. Os cursos garantem uma atuação com menos riscos e mais chances de êxito durante a operação.