Hospital Abelardo Santos começa a atender urgência e emergência em Pediatria

29/01/2020 14h51 - Atualizada em 29/01/2020 15h49
Por Caroline Rocha (SESPA)

O Hospital Regional Abelardo Santos já tem disponível o serviço de Urgência e Emergência em Pediatria. A decisão foi tomada, na segunda-feira (27), pelo secretário de Estado de Saúde Pública, Alberto Beltrame. A urgência está funcionando normalmente desde a última terça-feira (28).

Com a inauguração do Hospital Regional Abelardo Santos, o maior hospital público do Pará, em setembro do ano passado, o chamado “Hospital Abelardinho”, que funcionou durante o período de obras do novo ‘Abelardo Santos’, encerrará suas atividades no dia 31 de janeiro de 2020.

O Hospital Regional Abelardo Santos ofertará consultas eletivas, previamente agendadas, nas seguintes especialidades: Cardiologia, Cirurgia Geral, Cirurgia Vascular, Mastologia, Pneumologia, Pediatria Clínica e Cirúrgica, Gastroenterologia, Clínica Geral, Psicologia e Nutricionista, e atendimento com profissional de Serviço Social. Os benefícios para a população incluem ainda consultas ambulatoriais eletivas nos serviços de Reumatologia, Urologia, Neurologia Adulto e Nefrologia, que não eram oferecidas no “Abelardinho”.

As consultas em Dermatologia serão referenciadas para a Universidade do Estado do Pará (Uepa); as de Geriatria para o Hospital Jean Bittar, e as de Ortopedia e Traumatologia para a Unidade de Referência Especializada (URE) Doca (na Avenida Visconde de Souza Franco).

O secretário de saúde, Alberto Beltrame, confirmou que haverá quatro médicos clínicos, em dois turnos de quatro horas por dia, de segunda a sexta-feira, para atendimento das consultas eletivas com agendamento prévio no próprio “Abelardo Santos”.

“Os eventuais encaminhamentos às especialidades serão regulados pelo Núcleo Interno de Regulação (NIR), em comum acordo com a Central de Regulação do Estado. O Hospital Abelardo Santos também vai atender os encaminhamentos das Unidades Básicas de Saúde (UBS), mediante laudo médico e também através do NIR. Estarão disponíveis os exames laboratoriais e de imagem referenciados pelos médicos do Ambulatório do HRAS e, o mais importante, como acordado com todos da Comissão desde novembro de 2019, o serviço de Pediatria iniciará seu atendimento 24 horas, com porta aberta, a partir das 7h”, afirmou Alberto Beltrame.