Polícia Militar promove 'Natal Ribeirinhos da Paz' para moradores de Cotijuba

Brinquedos e materiais escolares, arrecadados por militares da Polícia Fluvial, alegraram crianças e adolescentes

20/12/2019 17h57 - Atualizada em 21/12/2019 01h30
Por Lene Alves (PM)

A alegria do Natal já chegou para crianças e adolescentes que residem em CotijubaO projeto social "Natal Ribeirinhos da Paz", desenvolvido pela Companhia Independente de Polícia Fluvial (Cipflu), unidade que integra o Comando de Policiamento Ambiental (CPA) da Polícia Militar, realizou na manhã desta sexta-feira (20) ação solidária na Ilha de Cotijuba, na parte insular de Belém. Cerca de 200 crianças e adolescentes, moradores de comunidades ribeirinhas, ganharam brinquedos e materiais escolares arrecadados pelos policiais militares que atuam na Companhia, em ações de segurança pública nos rios do Pará.

A programação especial começou logo nas primeiras horas da manhã. Equipes da Cipflu se reuniram no píer do Grupamento Fluvial de Segurança Pública (Gflu), no bairro de Val de Cans, em Belém, de onde uma comitiva formada por militares, representantes da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) e outros voluntários saíram em direção à Escola Estadual Martha da Conceição, em Cotijuba. O diretor da unidade, delegado Artur Braga, também integrou o grupo.

Papai Noel atravessou o rio para comemorar o Natal com os ribeirinhosA 4ª edição do "Natal das Ilhas" é uma iniciativa do Projeto Social “Natal Ribeirinhos da Paz”, da Polícia Militar, e neste ano contou com a colaboração de empresários e voluntários, o que garantiu a arrecadação de dezenas de brinquedos, bicicletas e patins. Houve também a distribuição de materiais escolares, lanches e panetones para cerca de 200 jovens que moram em comunidades ribeirinhas.

"A gente percebe a importância desse projeto social na vida dos nossos filhos e dos demais jovens. O meu filho já ganhou duas medalhas de jiu-jitsu e melhorou seu rendimento escolar", destacou a dona de casa Ana Maria Freitas, moradora da comunidade Ilha Longa.

"Nós temos pelo menos um exemplo da efetividade desse programa na nossa escola, que foi apresentado espontaneamente por um jovem. Ele agradeceu por ter sido resgatado de uma condição de extrema vulnerabilidade social, com histórico de envolvimento de familiares com o tráfico de drogas. É muito importante para a comunidade escolar participar do sucesso deste projeto social", frisou a diretora da Escola, Lorena Sarém.

Todo o material doado aos moradores foi arrecadado por policiais militaresUma das coordenadas do evento, a capitã Antônia Cássia Sousa, falou sobre o trabalho realizado pela Cipflu durante o ano. "O evento desta manhã coroa o final de uma jornada árdua, porém gratificante. Durante todo o ano, policiais militares do efetivo da nossa unidade deslocavam-se para a Ilha de Cotijuba para ministrar instruções preventivas e aulas de jiu-jitsu para os jovens que se destacaram nos estudos. Neste ano, 70 jovens foram alcançados pelo projeto social", acrescentou a oficial da PM, que atualmente responde pelo subcomando da Companhia Fluvial.

Destaques - O projeto social “Natal Ribeirinhos da Paz” foi idealizado pela Polícia​ Militar do Pará, por meio da Companhia Independente de Polícia Fluvial, que atua em diversas ilhas de Belém e interior do Estado.

Ao longo deste ano, 70 crianças, moradoras da ilha e de comunidades ribeirinhas próximas, foram matriculadas no programa. Trinta e cinco delas ganharam presentes especiais por terem se destacado nos estudos e nas aulas de jiu-jitsu brasileiro. O esporte é um dos pilares do projeto social, que também incentiva a cultura e a sociabilidade entre os alunos, além de ministrar palestras sobre valores éticos, morais e proteção ambiental.