Beneficiados do Bolsa Talento da Seel ganham medalhas em provas de rua

Atletas tiveram o espaço do estádio Mangueirão liberado para treinos e preparação física.

21/10/2019 14h35 - Atualizada em 21/10/2019 15h47
Por Paula Portilho (SEEL)

O fim de semana foi de pódio para Eduardo Silva, 1° lugar na modalidade 5km da Corrida do Círio, no domingo (20), para Thaise Guimarães da Silva e Moisés Gaioso, os dois últimos faturaram os 2° e o 3º lugares, respectivamente, da Corrida dos Romeiros, em Castanhal, no sábado (19). Os medalhistas são integrantes do Projeto de Atletismo que faz treinamento semanal no Estádio Olímpico do Pará/EOP, o Mangueirão.

Eduardo é atendido pelo programa estadual “Bolsa Talento”, gerenciado pela Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel). O atleta terminou a prova dos 5km com o tempo de 14 minutos e 54 segundos. “Fiz a minha melhor marca em corrida de rua, que é diferente das corridas de pista e meu forte são as provas de curta distância. Na prova, fui aos poucos passando os outros competidores. Consegui pegar a ponta e abrir uma boa distância dos outros”, ressaltou Eduardo.

Eduardo Silva conquistou o 1° lugar na modalidade 5km da Corrida do Círio.

Terceiro colocado na categoria 30-39 anos na Corrida dos Romeiros, Moisés, ficou agradecido por mais uma conquista. “Agradeço a Deus em primeiro lugar, pois sem ele jamais teria chegado aonde cheguei, me proporcionando mais uma vitoria e a todas as pessoas que sempre acreditaram nesse meu trabalho e à Seel, por ter a oportunidade de treinar no estádio”, disse o corredor. Já Thaise Guimarães, no mesmo evento, conseguiu a segunda colocação na categoria 16-29 anos, que já se prepara para competir nos Jogos Escolares da Juventude, em novembro, em Santa Catarina.

Através do Projeto de Atletismo coordenado pela treinadora e ex-atleta Suzete Montalvão e com o apoio da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel), responsável pela gestão do EOP, adolescentes e jovens têm a oportunidade de treinar na pista de atletismo que foi incorporada ao Mangueirão, em 2002, com a reinauguração do espaço.

Para o secretário-adjunto da Seel, Vitor Borges "o papel da secretaria é incentivar o esporte e dar suporte a esses atletas, cedendo o espaço de treino para que continuem obtendo excelentes resultados a nível estadual, nacional e internacional".