Arte integra estudantes da rede pública com jovens atendidos na Fasepa

18/10/2019 17h16 - Atualizada em 19/10/2019 00h32
Por Alberto Passos (FASEPA)

A programação ocorreu na Escola Estadual de Ensino Técnico Professor Anísio TeixeiraA arte foi o fio condutor na integração de jovens que cumprem medidas socioeducativas com estudantes da Escola Estadual de Ensino Técnico Professor Anísio Teixeira, localizada em Belém, nesta sexta-feira (18). A ação de cidadania é uma realização da Defensoria Pública do Estado do Pará, por meio do Núcleo de Atendimento Especializado da Criança e do Adolescente (Naeca), com a participação da Fundação de Atendimento Socioeducativo do Pará (Fasepa), em parceria com outras instituições da administração pública.

Entre os serviços oferecidos estavam o Programa Pai Legal (reconhecimento de paternidade) e o Balcão de Direitos, pelo qual os participantes tiveram acesso a documentos pessoais, como carteira de trabalho, Cadastro de Pessoa Física (CPF) e segunda via de certidão de nascimento. A ação contou ainda com a participação do grupo musical da Fasepa, que botou o público para dançar ao som de muito carimbó e sucessos da MPB.

Um dos percussionistas do grupo, que já participou de banda de fanfarra na escola, disse que “é muito bom levar a gente para interagir com a sociedade, mostrar algo bom, que possa alegrar a vida das pessoas. Eu agradeço a oportunidade de estar apresentando um pouco daquilo que eu faço e me identifico bastante, que é a música”. Segundo ele, o momento “fez lembrar que um dia eu estava tocando e tinha um sonho de ser músico”. Ele cumpre medida socioeducativa na Unidade de Atendimento Socioeducativo de Ananindeua, na Região Metropolitana de Belém.

Avanço - A diretora de Atendimento Socioeducativo da Fasepa, Vilma Moraes, ressaltou que “a participação da instituição nesse evento representa um avanço significativo, tendo em vista que os adolescentes que estão em medidas socioeducativas na Fasepa estão protagonizando vivências exitosas, como essa que nós estamos vendo aqui hoje”.Várias instituições se uniram para promover a Ação de Cidadania

Segundo ela, o público teve a oportunidade de ver como a medida socioeducativa pode deixar algo positivo na vida dos jovens atendidos pela Fasepa.

Entre os parceiros presentes na ação estavam o Serviço Social do Comércio (Sesc), Secretaria Municipal de Saúde de Belém, Fundação Cultural do Estado do Pará, Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), Centro de Referência de Assistência Social (Cras), entre outros.

O defensor público Luís Carlos Lima, que coordena o Naeca, declarou que “a participação da Fasepa nesse encontro se dá em razão de interesses afins voltados a esse grupo social, e nos mostra que a vida nos apresenta possibilidades para que essas pessoas, que estão em uma condição de desenvolvimento, se transformem em cidadãos e possam contribuir para uma sociedade melhor e mais justa”.