Moradores da Terra Firme recebem ações da Sectet

05/10/2019 22h14 - Atualizada em 06/10/2019 11h17
Por Jeniffer Galvão (SECTET)

Projetos da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet) chegaram neste sábado (5) ao bairro da Terra Firme, em Belém, junto com ações das demais secretarias de Estado que compõem o Programa Territórios Pela Paz (TerPaz). A Escola Estadual Mário Barbosa recebeu a comunidade do bairro, autoridades do governo estadual e a primeira-dama Daniela Barbalho, que visitou vários projetos de saúde, educação, esporte, lazer, segurança, cultura, formação profissional e promoção social, ações que têm o objetivo maior de proporcionar um ambiente de paz e cidadania aos moradores.A primeira-dama Daniela Barbalho integrou a equipe que acompanhou as ações da Sectet

“É uma alegria imensa receber todas essas ações na escola. Alunos, pais e demais moradores estão participando das atividades que não se encontram no bairro frequentemente. São ações de cidadania, esporte, lazer, entretenimento. Estamos todos maravilhados”, declarou a diretora da escola, Joelma Bastos, destacando a arquitetura da escola, criada pelo arquiteto Milton Monte, que se inspirava na estrutura das aldeias indígenas. Joelma destacou que as salas de aula e demais espaços da escola foram feitos com materiais de barro e madeira, como o telhado com o beiral quebrado e janelas abertas para aproveitar a ventilação natural.

Garçom e garçonete – Uma das ações da Sectet no TerPaz é o projeto “Cursos de Formação Inicial e Continuada para Jovens e Adultos”, que leva à Terra Firme o Curso de Garçom/Garçonete. As inscrições foram feitas durante a semana e 25 candidatos foram selecionados para fazer o curso com carga horária de 240 horas, promovido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), contratado pela Sectet.

Cursos de formação profissional estão entre as ações do TerPaz“Agradecemos a presença de vocês e o interesse pelo curso. É uma oportunidade para vocês iniciarem uma nova profissão ou se aprimorarem, caso já atuem na área. Valorizem essa possibilidade e aproveitem”, disse a gerente da Coordenadoria de Formação Inicial e Continuada (CFIC) da Sectet, Karoline Cordeiro, aos alunos que foram até a escola para receber as primeiras orientações sobre o curso.

As aulas iniciam na segunda-feira (7) e vão até o dia 15 de janeiro de 2020, no período da manhã, na escola Dr. Celso Malcher, localizada dentro do complexo do Parque de Ciência e Tecnologia Guamá, dentro da área da Universidade Federal do Pará (UFPA). “É um curso com um conteúdo programático amplo. Uma qualificação que vai além de saber colocar bebidas em um copo e segurar adequadamente uma bandeja”, enfatizou Rubens Sanches, da CFIC.

Miguel Maciel trabalha como garçom há 19 anos e para ele o curso é uma oportunidade para estar sempre aprendendo mais. “Já fiz vários cursos, mas todos rápidos, com duração de uma semana. Esse tem carga horária maior e a minha expectativa é aprender coisas novas”, declarou.

Meu Endereço – O projeto “Meu Endereço: lugar de paz e segurança social” montou seu varal de fotografias no corredor da escola que leva à área da cantina onde a equipe recebia os moradores e explicava o funcionamento da ação, promovida pela Secet em parceria com a UFPA. Com música ao vivo, a equipe animou a manhã.

Myrian Cardoso, coordenadora do projeto, cantou para a primeira-dama, Daniela Barbalho, a música-tema do “Meu Endereço”. “É a história de uma mulher que luta para ter seu lar, seu lugar de paz. É igual a de muitas outras mulheres e homens em vários bairros que no dia a dia se empenham para se firmar como cidadãs e cidadãos”, disse Myrian.A população reconhece a importância das ações do TerPaz no bairro

O projeto oferece assistência técnica, tecnológica e jurídica aos moradores para que possam fazer a delimitação de seus terrenos, a identificação exata de seus imóveis e possam buscar junto aos órgãos competentes a regularização fundiária ou até auxílio social para a melhoria de suas casas. Nos dias 10 e 17, a equipe do “Meu Endereço” voltará à escola Mário Barbosa para fazer o cadastro dos moradores, no horário de 8h às 12h.