Busca por investimentos marca participação do Pará na Exposibram 2019

13/09/2019 15h55 - Atualizada em 14/09/2019 11h30
Por Igor Nascimento (CODEC)

A Exposibram 2019 é uma das maiores exposições de mineração da América Latina.O fortalecimento de uma indústria competitiva, inovadora e aberta para novos investimentos foram os principais objetivos da Exposibram 2019, uma das maiores exposições de mineração da América Latina, encerrada na quinta-feira (12). Mais de 45 mil pessoas circularam pelo evento, organizado no espaço Expominas, em Belo Horizonte (MG).

Na edição deste ano, o Pará teve destaque com a presença do governador Helder Barbalho e de representantes de órgãos estaduais, como a Companhia de Desenvolvimento Econômico do Pará (Codec), que desenvolve estratégias de atração de investimentos em diversos setores prioritários, entre os quais, a mineração.

Em quatro dias de uma intensa programação de reuniões de negócios no estande do Governo do Pará, a Codec atuou direcionada principalmente às empresas fornecedoras da mineração, que, aliadas às potencialidades e diferenciais do Pará, podem favorecer a competitividade e o cenário para que indústrias possam se instalar no Estado.

O Estado atuou direcionado principalmente às empresas fornecedoras da mineração, que podem favorecer o cenário e a competitividade para que indústrias possam se instalar no Pará.“Nossa participação não se limitou somente a atender empresas e distribuir os folders no estande, mas agimos proativamente, mantendo contato com empresas que já são fornecedoras de grandes mineradoras, e cuja vinda ao Pará pode representar maiores possibilidades não somente de atender as mineradoras, mas outras indústrias locais, favorecendo a verticalização da produção mineral e ampliando as possibilidades de êxito”, destacou Evandro Diniz, gerente de Relações Institucionais da Codec.

Possibilidades - Segundo o gerente, o objetivo de ações como essa é sempre ampliar o leque de possibilidade de novos investimentos. “Nossa participação permitiu o agendamento de uma reunião, em 20 dias, na sede da Codec, com o CEO da Allonda Ambiental, empresa especializada em soluções ambientais, que manifestou interesse em adquirir uma área em um dos Distritos Industriais paraenses”, informou.

Dos atendimentos realizados, o contato direto e presencial com as empresas participantes rendeu negociações adiantadas com empresários que atuam em vários segmentos, como siderurgia, logística, tecnologia, pesquisa e desenvolvimento, engenharia, além de soluções tubulares, metais, aços e ligas, entre outros.

A partir de agora, o contato com as empresas será mantido, a fim de motivar a tomada de decisões sobre possíveis investimentos no Pará.