Escola usa educação, cultura, esporte e lazer no combate ao uso de drogas

25/06/2019 21h11 - Atualizada em 26/06/2019 11h13
Por Claudiane Santiago (SEJUDH)

Com o objetivo de buscar alternativas com as instituições e a sociedade civil para o enfrentamento ao uso de drogas, a Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh) iniciou nesta terça-feira (25) a Semana Paraense sobre Drogas, em Belém, como parte das ações alusivas ao Dia Mundial do Combate às Drogas - 26 de Junho.

A atividade ocorreu na Escola Estadual Dr. Aníbal Duarte, no bairro de São Braz, com rodas culturais, exposição de trabalhos dos estudantes em estandes, palestras e apresentações tendo o esporte como estratégia de prevenção e promoção de vida saudável. "É muito bom saber mais sobre esse assunto, ainda mais dessa forma divertida. Tem muita gente da nossa idade que se mete com isso (uso de drogas) e perde a vida", disse a estudante Letícia Anjos, 12 anos.

A primeira etapa da programação incluiu a prevenção nas escolas estaduais onde é desenvolvido o Projeto Reconstruindo Sonhos, que visa prevenir, educar e conscientizar sobre o uso e abuso de drogas lícitas e ilícitas, promovido pelo Conselho Estadual sobre Drogas do Pará (Coned), vinculado à Sejudh, em parceria com a Secretaria de Estado de Educação (Seduc). "Importante trabalho de integração, haja vista que o projeto aborda a questão da prevenção ao uso de drogas em escolas públicas e os danos que elas podem causar", ressaltou a diretora da Escola Dr. Aníbal Duarte, Rosenila Costa.

Na quarta-feira (26), a ação prosseguirá na Escola Zacharias de Assumpção, no bairro do Guamá, com atividades recreativas a partir da temática "Prevenir é possível". "Nosso trabalho está sendo nas escolas já atendidas pelo projeto. Um momento para dar visibilidade à temática de forma prática e objetiva, pois a sociedade conhece muito sobre drogas e suas mazelas, mas conhece muito pouco daquilo que está inserido na realização", destacou a vice-presidente do Coned, Ana Chamma.

Para o secretário de Estado de Justiça e Direitos Humanos, Rogério Barra, o projeto vem dando certo devido ao fortalecimento da rede, sobretudo por trabalhar a temática das drogas de uma maneira diferente. "A iniciativa é diferenciada porque atua na prevenção com o foco em ações positivas, como educação, cultura, esporte e lazer", ressaltou.

Capacitação - Paralelamente, na quarta-feira a Coordenadoria de Prevenção, Tratamento e Redução de Danos do Consumo de Drogas (Cenpren), da Sejudh, realizará uma capacitação para membros dos Conselhos Municipais do Pará que integram a rede de políticas públicas no enfrentamento às drogas.

O evento será realizado das 8 às 13 h, na sede da Delegacia-Geral de Polícia Civil, com a participação de representantes de vários municípios paraenses. A meta é qualificar os conselheiros do Pará para atuação na rede de promoção e atenção de políticas públicas.

Promovida pelo Cenpren, a capacitação discutirá a criação de políticas públicas voltadas ao combate às diversas situações sobre entorpecentes. O evento tem o apoio de várias instituições, que realizam ações em comemoração ao Dia Mundial de Combate às Drogas.