Imetropará e Semob definem estratégia para aferição de radares na Augusto Montenegro

20/01/2015 14h21
Por Redação - Agência PA (SECOM)

A aferição dos novos radares instalados no cruzamento das avenidas Augusto Montenegro e Centenário e na Almirante Barroso foram os assuntos discutidos entre a diretoria do Instituto de Metrologia do Estado do Pará (Imetropará), a diretoria da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (Semob) e o representante da Fiscal Tech, empresa responsável pela instalação dos equipamentos, durante reunião na manhã desta terça-feira, 20, no auditório da Semob. Também constaram da pauta de discussão os desvios necessários para essa verificação. O primeiro a ser aferido pelo Imetropará, no dia 27, será o radar instalado Augusto Montenegro. Também participaram da reunião representantes da Polícia Militar, Guarda Municipal e Detran, órgãos que vão auxiliar na interdição das faixas de trânsito durante a realização da aferição.

Assim como foi feito nas avenidas Centenário e Pedro Alvares Cabral, na última semana, a Augusto Montenegro também será interditada para que o veículo teste do Imetropará possa circular na velocidade estabelecida em todas as faixas. “Nós temos um equipamento chamado tacógrafo instalado dentro do veículo, que precisa passar em cada uma das faixas monitoradas pelo menos cinco vezes, para que possamos verificar se a velocidade que consta no nosso equipamento é a mesma registrada pelos radares. Se os dados coincidirem, então o equipamento é liberado para utilização. Com isso, o condutor que transitar pela via acima do limite de velocidade permitido poderá ser punido como determina o Código de Trânsito Brasileiro”, explicou o presidente do Imetropará, Jorge Rezende.

A fiscalização eletrônica é uma forma de garantir mais segurança no trânsito, especialmente nos pontos que receberam os novos radares. Segundo um levantamento feito pela Semob, o número de acidentes e reclamações de abuso de velocidade nesses perímetros é elevado.

Para esta operação, as faixas do cruzamento entre as avenidas Augusto Montenegro e Centenário serão interditadas. Agentes da Semob vão orientar o trânsito no local e apontar rotas alternativas. “Estamos trabalhando para garantir à população o mínimo de transtorno durante esse processo de aferição, fundamental para que condutores e passageiros fiquem seguros do funcionamento desses radares”, afirma o inspetor responsável pela operação, Manoel Costa.