Mais de 250 famílias recebem o Cheque Moradia na Cohab

14/05/2015 21h05

O dia foi de festa e emoção para 257 famílias que receberam o benefício do Programa Cheque Moradia, do governo do Estado, nesta quinta-feira (14), em cerimônia na sede da Companhia de Habitação do Pará (Cohab). Até a próxima segunda-feira, 18, serão entregues 1,2 mil cheques a famílias de baixa renda em situação de vulnerabilidade social – pessoas com deficiência e idosos –, dos municípios de Belém (incluindo Outeiro, Mosqueiro, Santa Bárbara do Pará e Cotijuba), Ananindeua, Marituba, Benevides, Santa Isabel do Pará, Vigia, Abaetetuba, Barcarena e São Miguel do Guamá. 

Criado em 2003, o Cheque Moradia já beneficiou mais de 53 mil famílias paraenses.O recurso pode ser usado na compra de material de construção, melhoria ou ampliação da casa, reduzindo o déficit e a inadequação habitacional do Estado. Durante a entrega, o vice-governador Zequinha Marinho lembrou o empenho do governo em transformar em lei esse sonho do povo paraense, que agora passa a ser um direito definitivo dos cidadãos de baixa renda. Ele parabenizou a todos os que trabalham no programa.

“Para que uma política pública possa se efetivar é necessário o esforço conjunto de várias pessoas. Apesar de todas as dificuldades enfrentadas ao longo dos três mandatos estaduais, o Cheque Moradia continua vivo. A evidência maior disso é a presença de todos vocês aqui, sendo beneficiados com esses valores que contribuem significativamente para melhorar a qualidade de vida e autoestima das famílias”, ressaltou o vice-governador.

Entre os beneficiados, um pai de família, divorciado e com quatro filhas, não passou despercebido pela emoção. Alacid Batista procurou a Cohab num momento de necessidade, pois seria despejado do local onde morava. Como não tinha sequer um terreno, dificilmente teria acesso ao programa. Foi então que a aposentada Alice Pauxis, que estava na Cohab resolvendo um assunto pessoal, ao ouvir a história do vendedor de mingau, resolver doar um terreno em Mosqueiro para que ele pudesse se habilitar ao programa. “Apenas estou devolvendo o bem que fizeram ao meu pai quando eu tinha 12 anos e ficamos na mesma situação. Uma pessoa de bom coração nos doou um local para morar e isso marcou nossas vidas para sempre”, declarou.

Participaram da cerimônia os prefeitos de Belém, Zenaldo Coutinho, e de Ananindeua, Manoel Pioneiro, a deputada Cilene Couto, o chefe da Casa Civil, José Megale, e a presidente da Cohab, Lene Farinha, dentre outras autoridades.

Por Redação - Agência PA (SECOM)