Notas


Polícia Civil e UFPA apresentam novo projeto biométrico

13/04/2019 09h44
Por Redação - Agência PA (SECOM)

A Polícia Civil e a Universidade Federal do Pará apresentaram, na sexta-feira (12), na Delegacia-Geral, em Belém, o novo projeto biométrico do sistema Afis (sigla inglesa que significa "Sistema Automatizado de Identificação de Impressões Digitais"). A apresentação foi presidida pelo delegado-geral Alberto Teixeira. A ideia é estender e integrar a iniciativa a outras entidades, para facilitar e tornar o trabalho da Polícia Judiciária e de Segurança Pública mais eficiente.

Na prática, o projeto será executado a partir da análise de dados biométricos de pessoas cadastradas no sistema, onde serão feitas as buscas por meio das digitais. Desta forma, o sistema encontrará a pessoa, conforme análise das impressões digitais, para, posteriormente, serem monitoradas nas investigações policiais e outras finalidades de competência da Polícia Civil.

Além da análise de dados biométricos, o projeto contempla o reconhecimento facial e o retrato-falado automatizado, com as características regionais do indivíduo. Todo o sistema será instalado em Data Center (local onde estão concentrados os sistemas computacionais de uma empresa ou organização), utilizando equipamentos de tecnologia moderna, capazes de dar suporte a toda solução que se refere à biometria das mãos e das regiões faciais.

A proposta é que o projeto fique sediado no Parque de Ciência e Tecnologias (PCT) do Guamá, localizado na Avenida Perimetral.

O projeto tem a participação da mão-de-obra especializada formada por alunos e professores do curso de Tecnologia da Informação e Comunicação da Universidade Federal do Pará (UFPA).