Notas


Seap firma parceria para ofertar graduação EAD para mães custodiadas

16/09/2020 11h36
Por Vanessa Van Rooijen (SEAP)

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciaria (Seap) está firmando parceria com a faculdade Uninassau Belém, para o “Projeto Mães Produtivas - Ressocialização”. O convênio irá oferecer bolsas integrais de cursos de graduação EAD para mães que tenham filhos de até 12 anos e estejam na condição de vulnerabilidade, que é o caso das mulheres privadas de liberdade.

Com a parceria, a Seap receberá 10 bolsas integrais para mães que estejam custodiadas no CRF de Ananindeua. Haverá um processo seletivo, com aplicação de uma redação para as mães que estejam dentro dos critérios.

“O próximo passo é a instrumentalização da parceria por meio de cooperação técnica, para efetiva implementação desta ação de educação superior dentro do sistema penitenciário paraense”, ressalta o diretor de Reinserção Social, Belchior Machado. Outras reuniões serão marcadas para dar continuidade e realizar ajustes no projeto.