Notas


Operação Opus 2 intensifica atendimentos jurídico e de saúde para detentos

04/09/2019 21h44
Por Vanessa Van Rooijen (SUSIPE)

Os serviços de saúde e atendimento técnico jurídico estão sendo intensificados no Complexo Penitenciário de Santa Izabel (Região Metropolitana de Belém) durante a Operação Opus 2. Nesta quarta-feira (4) foram realizados 304 atendimentos nas áreas de psicologia, serviço social e enfermagem, além de 481 atendimentos jurídicos. A ação começou na última terça-feira (3) e continua até sexta-feira (06) com atendimentos jurídicos, psicológicos e sociais. Hoje, internos de várias unidades prisionais do Complexo receberam assistência e tiveram acesso à emissão de carteira de identidade e CPF, por meio das diretorias de Execução Criminal (DEC) e Assistência Biopsicossocial (DAB).

A Operação Opus conta com o apoio da Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária (FTIP), do Departamento Penitenciário Nacional (Depen); Receita Federal, Polícia Civil, Assembleia Legislativa do Pará (Alepa), Defensoria Pública do Estado do Pará e Ordem dos Advogados do Brasil - Seção Pará (OAB/PA).