Doações de voluntários alegra Dia das Crianças de pacientes

10/10/2019 17h50 - Atualizada em 10/10/2019 18h20
Por Etiene Andrade (SANTA CASA)

Samile realiza hemodiálise há quase seis anos.Participar de brincadeiras, ganhar presentes e ainda fazer um lanchinho gostoso é o que toda criança gosta e merece. Mas isso tudo acontecendo dentro de um hospital só é possível com o empenho não de uma, mas de várias pessoas. E foi para garantir uma manhã especial aos pequenos pacientes que fazem terapia renal na Santa Casa que o grupo de humanização da unidade se empenhou, na manhã desta quinta-feira (10).

O lanche especial foi feito pelo setor de nutrição do hospital. A atividade contou com mais de 50 brinquedos doados pelo Grupo Semeando Amor, formado por integrantes dos órgão de segurança pública do Estado. Um momento para as crianças lembrarem de como é aproveitar a infância, como propôs a terapeuta ocupacional Fernanda Lobato. “Uma criança, em qualquer situação, precisa criar memórias positivas e, quando a gente promove um momento desses, apesar de estarem em tratamento, é possível ser criança, se divertindo e brincado!”, afirmou.

Para Cláudia Massoud, coordenadora do grupo Semeando Amor, que existe há 15 anos e reúne representantes de todos os órgãos de segurança pública do Estado, os brinquedos doados simbolizam o amor que o grupo quer demonstrar pelas crianças. “É um trabalho que essa equipe toda de voluntariado faz de coração e que é voltado às crianças atendidas na Santa Casa e outros hospitais”, contou.

A atividade contou com mais de 50 brinquedos doados pelo Grupo Semeando Amor, formado por integrantes dos órgão de segurança pública do Estado.Sueli Moraes, mãe de Samile, que há quase seis anos precisa fazer hemodiálise, sente bem esse carinho. “É muito bom, porque é um momento em que eles se distraem, se animam e se esquecem que estão em tratamento. Até para a gente é bom!”, disse a mãe.

De acordo com a coordenadora da Classe Hospitalar, Rosiane Alcântara, que faz parte da equipe que coordena a programação, a doação vai além do simples ato de entregar um brinquedo, é mais uma forma de demonstrar o cuidado. “Não são só brinquedos, é uma doação de afeto a essas crianças. Uma forma de materializar o carinho que nós temos no dia a dia aqui com eles".

A ação também será realizada nas enfermarias de pediatria nesta sexta-feira (11).