Amazônia Jazz Band participa em Santarém da Festividade de Nossa Senhora da Conceição

A apresentação em frente à Igreja Matriz atendeu a um convite da Arquidiocese de Santarém

27/11/2021 22h49 - Atualizada em 28/11/2021 00h50

Apresentação da Amazônia Jazz Band como parte da programação cultural do Círio de Nossa Senhora da ConceiçãoEm frente à Igreja Matriz de Santarém, no Oeste do Pará, e com a regência do maestro Eduardo Lima, a Amazônia Jazz Band se apresentou neste sábado (27), como parte das celebrações do Círio de Nossa Senhora da Conceição 2021, atendendo ao convite da Arquidiocese de Santarém. O evento foi aberto com um tributo a Michael Jackson, incluindo músicas como “Thriller”, “Billie Jean”, “Black or white”, “Bad” e “Ben”.

Na sequência, foram tocadas as canções “Foi assim”; “Fly me to the moon”, com participação do diretor do Theatro da Paz, Daniel Araújo; “In the mood”; “Círio outra vez”; “A thousand miles”; “Funky cha-cha”; “Magig flea”, e músicas dos ritmos lambada e carimbó.Com um repertório variado, os músicos da AJB agradaram ao público em geral

"Me sinto muito feliz e honrado com a presença da Amazônia Jazz Band nesta noite de trasladação do Círio de Nossa Senhora da Conceição. Isso nos alegra muito, porque a música  eleva a nossa alma, o nosso espírito, e isso faz muito bem a nossa saúde, seja espiritual, emocional ou sentimental. A presença desse grupo tão especial vem abrilhantar a festa, nos alegrar, trazer paz, alegria, felicidade e também esperança de superação desses tempos difíceis da pandemia, para que se possa retomar as nossas festividades", disse o arcebispo da Arquidiocese de Santarém, Dom Irineu Roman.

Secretária Ursula Vidal agradeceu ao convite da ArquidioceseHistória e economia - A secretária de Estado de Cultura, Ursula Vidal, agradeceu o convite da Arquidiocese. "É uma honra para a Secretaria de Cultura, e para o governo do Estado, participar desse momento de abertura do Círio de Nossa Senhora da Conceição. É uma bênção estarmos aqui à beira do Tapajós, receber a energia dessa gente tão especial, que tem tantos séculos de história, uma ancestralidade muito forte dos povos que habitavam nessa terra", ressaltou a secretária, acrescentando que "a cultura é muito importante não só para celebrar os nossos talentos e as manifestações artísticas, mas também para o fortalecimento da nossa economia".

A aposentada Maria Cilda aproveitou a oportunidade para rever uma apresentação do grupo. "Eu já tinha visto um show deles em Belém, mas ter a banda aqui é maravilhoso. É muito importante e bonita essa apresentação na nossa Festividade de Nossa Senhora da Conceição, porque foi algo inédito, e ainda gratuito. O público de Santarém merece", disse.

Texto: Thaís Siqueira - Ascom/Secult

Por Governo do Pará (SECOM)