Escola de Governança qualifica quase 100 servidores em Xinguara e Igarapé-Miri

A ação reuniu servidores públicos estaduais e municipais, que ampliaram conhecimentos para melhor atender à população

23/10/2021 16h25 - Atualizada em 23/10/2021 18h41

A Escola de Governança Pública do Estado do Pará (EGPA) promoveu na última semana, em dois municípios, cursos de qualificação profissional para servidores públicos estaduais e municipais, formando quase 100 profissionais. "A missão da Escola de Governança é a qualificação, desenvolvemos ações no interior do Estado para trabalhar com o servidor, para que ele atenda à demanda da população com cada vez mais qualidade", frisou a diretora-geral da Escola de Governança, Evanilza Marinho.

Com o tema “Gestão Democrática e Governança em Escolas", o primeiro curso foi realizado entre os dias 19 e 20 de outubro, em Xinguara, no Sudeste do Pará. “Como gestor educacional, a perspectiva apresentada pelo Estado, por meio da Escola de Governança, é visionária na gestão democrática da educação em nosso município, e essas propostas impulsionam nosso trabalho”, disse o diretor da Escola Municipal Lenival Xavier, Jair Julião.Parte dos quase 100 servidores públicos que participaram dos cursos de qualificação oferecidos pela EGPA

Mais dois cursos - Já em Igarapé-Miri, município da região do Tocantins, os dois cursos ofertados foram concluídos na manhã deste sábado (23), com os temas “Gerência de Projetos: Avaliação e Criação de Indicadores” e “Formação de Pregoeiro”.

Para Roberto Pina, prefeito do município, a oferta de cursos in loco é uma excelente oportunidade. “Agradecemos ao governo do Estado, por meio da Escola de Governança, pela parceria, e por trazer aos nossos servidores as qualificações que eles precisam para atender aos cidadãos de Igarapé-Miri com mais qualidade”, disse o gestor.

A Escola de Governança tem como objetivo a formação e o aperfeiçoamento profissional, proporcionando aos servidores estaduais ferramentas necessárias ao melhor desempenho das funções. Para os cursos realizados a partir de demandas específicas dos municípios, as solicitações devem ser feitas pelas prefeituras, que devem apresentar o acordo de cooperação técnica atualizado. A listagem com acordos atualizados está disponível no site da EGPA: egpa.pa.gov.br.

Por Isabela Quirino (EGPA)