TerPaz realiza ação integrada com serviços sociais para moradores de Marituba

A iniciativa, nesta sexta-feira (17), marcou a primeira edição do “TerPaz Integrado”, parceria entre o Territórios pela Paz (TerPaz) e a prefeitura de Marituba

17/09/2021 15h39 - Atualizada em 17/09/2021 17h05

Aliede Gomes, 54 anos, aproveitou vários serviços da ação, como a emissão da 2ª via da RG e ainda cortou o cabeloA doméstica Aliede Gomes, 54 anos, aproveitou a ação integrada para realizar vários atendimentos. "Nós estávamos precisando de uma ação dessa aqui na comunidade, eu e o meu neto aproveitamos para fazer vários serviços, ele tirou a carteira de identidade, a carteira de trabalho digital, eu troquei as minhas lâmpadas, tirei o cartão SUS e agora, para finalizar, estou cortando o meu cabelo e vou tirar a minha sobrancelha’’, ressaltou a moradora do bairro de Marituba, há mais de 25 anos.  

A ação ocorreu na manhã desta sexta-feira (17), e marcou a primeira edição do “TerPaz Integrado”, uma parceria do programa Territórios pela Paz (TerPaz), do Governo do Estado, com a Prefeitura de Marituba e a empresa Equatorial. O evento aconteceu na Escola Municipal Santa Helena, no município de Marituba.

"Essa ação na verdade é um grande sonho, para nós, enquanto gestora de território, porque é uma ação em parceria com a prefeitura de Marituba e a Equatorial, que está ocorrendo graças a essa articulação que vem sendo realizada, alguns serviços que já disponibilizamos dentro dos territórios, nos mobilizamos e trouxemos para que nós pudéssemos fazer essa grande ação, em um só dia, para atender o maior número de pessoas no município’’, afirmou a gestora do TerPaz em Marituba, Amanda Engelke.

"Hoje nós disponibilizamos a emissão de Rg’s, orientação sobre emissão da carteira de trabalho digital, e orientação em casos de direitos violados. A Sejudh está tentando levar todos os serviços para a população vulnerável, quando chegamos no território, não é só realizado a emissão do documento, mas sim tratamento do indivíduo no que tange a garantia de todos os direitos dele, e caso seja comprovado alguma ocorrência, essas pessoas são encaminhadas posteriormente, para que elas tenham acesso, não só aos programas e aos projetos, mas sim como toda a estrutura do governo do Estado, afirmou a diretora de Cidadania e Direitos Humanos da Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), Janaína Renée.

O estivador Antônio da Conceição, 63 anos, aproveitou para tirar o RG, já que o dele estava danificado. ‘’As ações comunitárias são sempre bem-vindas aqui no nosso município, porque muitas pessoas precisam de atendimento médico, emissão de documentos, entre outros serviços, e hoje aproveitei para tirar a minha identidade’’, disse ele.

Os moradores também tiveram acesso aos serviços do projeto “Meu Registro”, com a emissão gratuita da 1ª e a 2ª vias da certidão de nascimento e da 2ª via da certidão de óbito, ação feita pela Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster).

A professora Maria Odineia Silva, 48 anos, levou a tia de 81 anos, que é cadeirante, para tirar a 2° da certidão de Nascimento. "Essa ação é muito boa, porque não precisamos ir para longe para conseguir realizar esses serviços e hoje trouxe a minha tia para tirar a 2° via da certidão de nascimento, já que a dela é muito antiga e está com avarias, essa ação ajudou muito, porque ela é cadeirante e se fosse em um local distante teríamos que ter um carro para leva-la’’, concluiu a moradora. 

"O governo do Estado, por intermédio do projeto Meu Registro, está levando cidadania e direitos aos usuários do município de Marituba, aqui nós atendemos as pessoas em situação de vulnerabilidade social, para se dirigirem aos cartórios de origem e garantir a gratuidade da certidão de nascimento, 1° e 2° via e a 2° via da certidão de óbito’’, disse a gerente de Promoção da Gratuidade do Registro Civil de Nascimento da Seaster, Regina Almeida.

Já por parte da Prefeitura de Marituba foram oferecidos atendimentos e serviços do CadÚnico, Serviço de Acompanhamento da Família (PAIF), Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), Programa de Primeira Infância Criança Feliz - PCF (Semads), Emissão e Atualização de Cartão SUS, verificação de pressão arterial, glicemia, atendimento médico (consultas) e odontológico e coleta de PCCU (Sesau). 

A prefeita de Marituba, Patrícia Mendes, ressaltou a importância da ação integrada. ‘’Nós agradecemos ao governo do Estado, por todo esse trabalho desenvolvido no município de Marituba, por essas ações que são feitas várias vezes durante cada mês, desde o início da gestão do nosso governador, a palavra que nós temos é gratidão, por ele cuidar e escolher Marituba, para ser também um polo da Usina da Paz, e hoje nós estamos nessa ação integrada, e eu tenho a certeza que a população só tem a ganhar’’, destacou a prefeita.

Além disso, os moradores puderam usufruir de serviços estéticos como o de limpeza de sobrancelhas, corte de cabelo unissex, assim como os serviços do Sine (cadastro de mão de obra), Procon, Equatorial (troca de lâmpadas, negociação de dívidas e cadastro para tarifa social) e orientação para emissão digital da CTPS, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Turismo, Trabalho, Emprego e Renda (Sedeter).

Por Elizabeth Teixeira (SEAC)