População recebe mercado municipal do Distrito Industrial e 16 vias asfaltadas, em Ananindeua

A agenda oficial incluiu visita às obras do canal Maguariaçu e do futuro hospital infantil, o primeiro do município 

23/12/2020 16h18 - Atualizada em 04/01/2021 14h28
Por Dayane Baía (SECOM)

O governador Helder Barbalho participou da entrega do mercado municipal do Distrito Industrial, em Ananindeua, nesta quarta-feira (23). A agenda oficial incluiu também a entrega de 16 vias asfaltadas no conjunto Nova Esperança e a visita às obras do canal Maguariaçu e do futuro hospital infantil, o primeiro do município. 

Diante de vereadores, deputados e outras autoridades, moradores e feirantes receberam o novo Mercado Municipal do Distrito Industrial Zuca Muniz. Em pronunciamento, o governador lembrou a trajetória da obra que exigiu que os feirantes fossem transferidos para um galpão.

“O início dessa história ocorreu em 2011 para 2012, quando eu era prefeito de Ananindeua. E esse mercado tinha sido construído pelo então governador Jader Barbalho. E passou-se muito tempo sem que fossem feitas as benfeitorias necessárias. No meu último ano de mandato, a deputada Elcione me conseguiu uma emenda no Ministério da Agricultura para dois mercados: Distrito e Centro de Ananindeua”, lembrou o governador Helder.

Recentemente, a obra total orçada em R$ 4,110 milhões teve um reforço de R$ 1,5 milhões para conclusão e ampliação dos 239 para 283 boxes, divididos em dois andares com pontos comerciais, talhos de peixe, bancas de hortifrúti e tanques de mariscos.

“Quando assumi o governo, reunindo com o prefeito Pioneiro e o deputado estadual Dr. Daniel, chegou-se à conclusão que o projeto não atenderia a todos que têm o direito a ter um espaço. O Governo do Estado inteirou, junto com os recursos da prefeitura e federais, para que a obra pudesse acontecer. A parceria e a união garantiram a solução desses problemas. Hoje, antevéspera do Natal, temos a certeza de que daqui para frente é um novo capítulo dessa história, garantindo que todos possam trabalhar com dignidade, tranquilidade, ofertando o seu produto para a população local”, enfatizou Helder Barbalho. 

E olhando para o futuro, Helder assegurou que a parceria com o município continuará. "É fato que o bairro cresceu e precisa de muito mais. Vamos fazer uma via alternativa saindo para a BR-316 até a entrada do parque industrial, para não ter mais a concorrência de carretas, caminhões com o transporte coletivo, veículos particulares, bicicletas e motocicletas, trazendo mobilidade urbana e organização no trânsito”, anunciou o chefe do Executivo estadual.

Melhores condições - A segurança dos feirantes e consumidores era uma das principais preocupações, conforme conta o morador André de Oliveira. "A gente se deparava com os feirantes do lado de fora, na rua. Ou seja, era arriscado para eles e para nós, que passava ônibus, carros, motos, atrás. Não tinha espaço como agora tem, nem segurança e bem estar. Vamos nos sentir mais acolhidos de vir à feira", avaliou o auxiliar de produção.

Fabrício André da Silva Gonçalves trabalha há 19 anos com a venda de peixes. "Fomos lá para dentro do galpão provisório e estamos passando hoje para cá. Esse espaço é uma benção que estamos recebendo do Governo do Estado e da Prefeitura. O governador liberou uma verba de R$ 1,5 milhão para a ampliação e por isso aguardamos um pouco mais. Estamos recebendo um espaço bem adequado para o nosso trabalho. Até hoje o bairro do distrito nunca teve uma obra como essa", comemorou o peixeiro.

Para o atual prefeito Manoel Pioneiro, é uma satisfação concluir a obra antes de encerrar o mandato. “Estamos entregando hoje o Mercado do Distrito, um dos maiores da região Norte. É uma estrutura que vai durar 20, 30 anos. É uma obra fundamental, que vai servir à economia do município de Ananindeua, para que as pessoas possam entrar e comprar seus produtos em um ambiente tranquilo e limpo, mas que acima de tudo, vai dar condições aos feirantes para que possam trabalhar com dignidade, fora da chuva e do sol”, afirmou Pioneiro.

O prefeito eleito, Daniel Santos, também participou da agenda que incluiu a visita às obras do futuro hospital municipal pediátrico, na Cidade Nova. “São agendas importantes para a cidade, obras que a população já espera há muito tempo como o mercado do Distrito Industrial. Estamos visitando as obras do hospital municipal, as quais tive o prazer de participar desde o início. Consegui, com o governador, o recurso e pretendemos entregar no ano que vem. Através da parceria com o Governo do Estado podemos construir um município melhor, e que a população espera de nós”, afirmou o prefeito eleito Daniel Santos.

O primeiro hospital infantil do município é fruto de um convênio de R$ 18 milhões, entre o Governo do Estado e a prefeitura. O convênio prevê a construção de edificações e ampliação de espaços já existentes no antigo Pronto Socorro da Cidade Nova 6. Quando concluída, a unidade ofertará 60 leitos, incluindo clínicos, cirúrgicos e de Unidade de Terapia Intensiva e especialidades pediátricas.

Infraestrutura – Durante o trajeto em Ananindeua, nesta quarta-feira, a comitiva fez uma parada às margens do canal Maguariaçu, um dos principais do município, por interligar vários bairros. Assim como o Canal das Toras, ele recebe obras de drenagem, limpeza e infraestrutura para diminuir alagamentos, um problema antigo da cidade.

De responsabilidade da prefeitura, o projeto já está avançado e teve a contribuição do governador, ainda quando ele foi ministro da Integração Nacional, autorizando a liberação dos recursos necessários para a execução das obras.

No início desta tarde de quarta-feira, ocorreu, ainda, o ato solene de entrega de 16 vias asfaltadas no Conjunto Nova Esperança, totalizando 3.290 metros. "Eu acho que melhorou muito, esperamos por mais de 20 anos. É benefício para a comunidade, nós precisávamos disso há muito tempo. Ficávamos com o pé na lama constantemente, tem pessoas que para entrar na sua casa era de sandália e lá no asfalto colocava um sapato mais decente para andar no ônibus”, lembra Maria do Socorro da Silva, técnica de segurança do trabalho.

O salão de beleza de Sinéia do Nascimento é no ponto construído em frente à casa da sogra, que mora há 25 anos na rua Santa Rosa. “Melhoria para os moradores e para o meu trabalho também. Valoriza mais aqui e vai trazer mais clientela. Poderemos ajeitar o ponto, porque antes não dava para fazer porque a rua era com lama. Agora que chegou nosso asfalto, creio que vai melhorar tanto para os comércios quanto para as residências”, comemorou Sinéia.

Soraia Lima Costa e o marido fizeram questão de cumprimentar o governador, levando em mãos o título de propriedade da casa onde mora na Passagem Espírito Santo. "É o título que o Helder liberou para nós (à época, ele era o prefeito). Quando mudamos para cá era considerado invasão, só que ele deu a titulação para todos os moradores, inclusive nós não pagamos nada. E agora está trazendo infraestrutura para cá”, agradeceu Soraia.