Estado oferece ciclo de palestras a professores que vão participar de formação para o Enem

O projeto qualifica professores do ensino médio nas áreas dos conhecimentos aplicados no Exame Nacional do Ensino Médio

26/10/2020 16h29 - Atualizada em 26/10/2020 17h08
Por Isabela Quirino (EGPA)

A Formação de Professores do Ensino Médio para o Enem (Forpem), promovida pela Escola de Governança Pública do Estado do Pará (EGPA), em parceria com a Secretaria de Estado de Educação (Seduc), já abriu inscrições para docentes de municípios do interior, feita em polos. O primeiro abrangeu os municípios de Bragança, Cametá, Abaetetuba, Castanhal, Santa Izabel do Pará e Capanema. Para estes municípios, o curso será realizado na semana de 2 e 06 de novembro.

Enquanto as aulas não iniciam, a EGPA, por meio do Ensino a Distância, preparou palestras on-line para os professores que participarão da formação. As palestras contarão com listas de frequência e farão parte do Projeto “Masterclass Mulheres Educadoras”, desenvolvido pela EGPA em parceria com a Associação Brasileira de Educação a Distância (Abed) e a Universidade de São Paulo (USP). Nesta segunda-feira (26), a partir de 20h30, os inscritos participarão da palestra “As competências da BNCC e a Educação 4.0 mediadas pelas tecnologias”, ministrada pelo professor Ronaldo Lasakoswitsck.As palestras on-line integram o Projeto “Masterclass Mulheres Educadoras”

Na próxima quarta-feira (28), a palestra terá como tema “Quais são os desafios dos educadores a partir de 2021?”, ministrada por Rui Fava, reitor da Universidade de Cuiabá (Unic). E na sexta-feira (30), os professores participarão das palestras “MetodoBIOLOGIA ativa no ensino médio: sementes inovadoras e criativas”, com a professora Joelma Ruano, e “Quem sabe faz ao vivo III”, com as professoras Graziela München e Gilmara dos Santos. 

Todas as palestras são on-line - podendo ser acessadas pelo link: http://ead.egpa.pa.gov.br/ - e são voltadas especialmente aos professores atendidos pela formação, mas são abertas ao público em geral.  

Novas inscrições - O segundo polo iniciou as inscrições nesta segunda-feira, para os municípios de Maracanã, Tucuruí, Capitão Poço e Mãe do Rio. Estes professores realizarão o curso entre 09 e 13 de novembro. 

Durante as últimas semanas, a EGPA realizou ações presenciais nos municípios com a presença dos “tutores”, que são servidores locais responsáveis por acompanhar as escolas no processo de inscrição, realizadas pela plataforma de ensino a distância da EGPA e pelos links disponibilizados para os diretores das escolas dos municípios atendidos. A EGPA realiza ações presenciais nos municípios com os tutores, que acompanham as escolas no processo de inscrição

Além deste acompanhamento inicial, os tutores farão a ligação entre os professores e a Escola de Governança durante todo o curso, tirando dúvidas e auxiliando os servidores. 

“Fico feliz em participar do trabalho, pois vemos esta formação como uma proposta de grande relevância. O momento em que vivemos requer um melhor aprimoramento das práticas docentes, e as formações devem ser uma prática constante das vivências do professor”, explica Karina Gomes, tutora administrativa da 16ª URE (Unidade Regional de Educação), do município de Tucuruí, na região sudeste.

Qualificação - O Projeto Forpem se destina à qualificação de professores do ensino médio nas áreas dos conhecimentos aplicados no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A ação conta com a colaboração da Coordenação do Ensino Médio, Centro de Formação dos Profissionais da Educação Básica do Estado do Pará (Cefor) e Unidades Seduc na Escola (USEs).

Dentro do projeto, os professores têm a oportunidade de se familiarizar com o ensino por competências e habilidades, além da interdisciplinaridade e contextualização do ensino. O curso será realizado em EaD e terá 20 horas, sendo 4 horas de trabalho vivencial, com um “aulão” virtual para os alunos das escolas onde trabalham os professores participantes.