'Te Aquieta em Casa' movimenta a economia e faz sucesso na internet

Secult abre nova etapa do projeto e garante recursos para mais 260 artistas

31/03/2020 18h54 - Atualizada em 01/04/2020 09h57
Por Josie Soeiro (SECULT)

O Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (Secult), comemora o resultado do “Festival Te Aquieta em Casa”, que ocorreu em março. O grande sucesso da iniciativa fez com que a secretaria anunciasse a continuação do projeto para o mês de abril. As inscrições para a próxima etapa iniciam no próximo dia 02, selecionando mais 130 conteúdos digitais de várias linguagens e manifestações artísticas da cultura paraense. A terceira etapa, com mais 130 artistas selecionados, inicia em 15 de abril.

O Festival foi lançado no dia 19 de março, pela Secult, período no qual o Estado já havia anunciado medidas importantes de distanciamento social, por conta da pandemia do novo coronavírus. Com isso, as agendas de shows, espetáculos e programações culturais previstas precisaram ser interrompidas, como os eventos onde a artista visual de Belém, Heloize Peres, de 22 anos,  divulga seus trabalhos. “Eu já tinha em vista vários shows e festivais que solicitam minhas artes, além das feiras nas quais exponho. Até as encomendas que recebia foram adiadas porque os clientes preferem esperar passar esse período”, comenta.

A artista visual faz parte da lista de 120 contempladas no Festival de conteúdo digital de março. Ela conta como o valor vai ajudar neste período.

“Por meio dessa iniciativa, eu conheci diversos artistas que se inscreveram e também ganharam. A verba vai me dar a garantia de sobreviver um ou dois meses e passar por essa crise. Foi uma porta que se abriu para todos nós. A gente realmente não sabia o que iria fazer e para onde iríamos. Foi um auxílio muito grande” - Heloize Peres, artista visual.

Fazedores e fazedoras de cultura da música, contação de histórias, dança, arte digital, artes cênicas, audiovisual, teatro, cultura popular, poesia, literatura e artesanato de vários municípios paraenses também foram contemplados com a premiação de R$ 1,5 mil. A maioria das inscrições recebidas foi de Belém, mas conteúdos de municípios como Abaetetuba, Castanhal, Tucuruí, Soure, Bragança, Santarém, São Francisco do Pará, Irituia, Marabá, Parauapebas, Vígia, Salinópolis e Ananindeua também marcaram presença no Festival. Todo o processo, incluindo as inscrições, instruções e divulgação de vencedores ocorreu por meio do site e redes sociais da Secult. 

Nova edição – Com o grande sucesso e participação da classe artística, a partir do próximo dia 02, a Secretaria de Estado de Cultura vai abrir novamente o período de inscrições, divididos em segunda etapa (de 02 a 07 de abril) e terceira etapa (de 15 a 20 de abril). Assim como na primeira fase, a instrução, inscrição e divulgação dos selecionados será feita pela internet. Quem já se inscreveu na primeira etapa  não precisa submeter inscrição novamente, pois vai continuar concorrendo.

Mas a Secult esclarece que o candidato que já foi contemplado não poderá concorrer novamente, mesmo que o conteúdo seja inédito. A ideia é dar oportunidade ao máximo de artistas. No caso de candidatos que nunca prestaram serviço formal e não possuem PIS/PASEP/NIT, a Secretaria se responsabiliza pela inscrição.

A secretária de Estado de Cultura, Ursula Vidal, garante que serão mantidos os mesmos critérios e que o objetivo é atingir um público ainda maior. “Estamos aprendendo a lidar com este desafio, o mundo inteiro está. O Festival "Te Aquieta em Casa" é o primeiro edital feito neste formato e em tão pouco tempo. Demos uma resposta rápida, que ainda vem sendo calibrada. O governo está sensível à necessidade dos artistas e estamos refinando o critério, quanto ao fato de olharmos para quem vive exclusivamente da atividade cultural. Sempre de maneira equilibrada e transparente”. 

Inscrições - Para se inscrever, basta acessar o site da Secult, clicar em informativos, baixar a ficha de inscrição e enviar e-mail para artedigitalsecultpa@gmail.com. Reforçando que é preciso anexar documentos como RG, CPF, comprovante de residência, PIS/NIT/PASEP (se tiver), release (pequeno resumo da carreira do artista) e clipping (material de divulgação do artista) e colar o link do conteúdo que já deve estar publicado na página da pessoa inscrita com a #FestivalTeAquietaemCasa. Outra novidade é que os candidatos com dificuldades para efetivar sua inscrição agora poderão contar com um canal de dúvidas, via WhatsApp, de 8h às 23h. 

Serviço
Nova fase do Festival Te aquieta em Casa
Período:
Segunda fase: A partir de 02 de abril 
Site: secult.pa.gov.br (Menu: Informativos)
E-mail: artedigitalsecultpa@gmail.com 
Documentos necessários
RG, CPF, PIS/NIT/PASEP (se tiver), ficha de inscrição, release (resumo da carreira), clipping (matérias ou postagens comprovando a atividade profissional).
Canal de atendimento para dúvidas
(91) 98531-8816 > 8h às 13h ⠀
(91) 98456-8663 > 13h às 18h⠀
(91) 98532-1946 > 18h às 23h