Mangueirão está preparado para terceiro RexPa do ano

O esquema de segurança e organização contará com 650 PM's, 60 bombeiros, 20 guardas municipais e 80 servidores da Seel

21/06/2019 12h43 - Atualizada em 21/06/2019 17h18
Por Paula Portilho (SEEL)

O Estádio Olímpico do Pará/EOP será palco de mais um clássico da Amazônia neste domingo (23), às 18h, quando os maiores rivais do futebol paraense, Remo e Paysandu, se enfrentarão pela 9ª e última rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro Série C. O esquema de segurança e organização contará com a atuação de 650 policiais militares, 60 bombeiros, 20 guardas municipais e 80 servidores da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel), responsável pela gestão do espaço.

O planejamento do terceiro RexPa do ano, decido em reunião esta semana, contou com a presença das várias instituições envolvidas efetivamente no trabalho e na organização do jogo. "Por envolver os dois maiores clubes do Pará, o aparato de segurança visa dar proteção ao torcedor que deseje assistir esta partida que é decisiva. O Estado coloca à disposição do cidadão, todo o staff e logística necessários para o sucesso do evento" afirma Adélio Mendes, diretor do EOP.

Participam também da organização do jogo equipes da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob),
Departamento de Estado de Trânsito (Detran), Secretaria de Saúde (Sespa), Ministério Público, Polícia Civil, bombeiros civis, Juizado Especial do Torcedor, Tribunal de Justiça do Estado, além da Federação Paraense de Futebol (FPF) representando a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), e ainda 100 agentes de segurança privada e 20 brigadistas dos clubes.

A equipe  da Seel  envolve profissionais da limpeza, vigilância, Tecnologia da Informação, gramado, placar e som, imprensa, monitoramento, apoio logístico, eletricistas e bombeiros hidráulicos. "É uma grande logística para garantir o conforto e a segurança do torcedor. Estamos trabalhando desde a conservação e limpeza até a recepção do público. O clássico da Amazônia além de trazer lazer para a cidade, promove um show das torcidas no Mangueirão. É uma partida para mostrar a eficiência dos serviços prestados por todos os envolvidos", ressaltou Adélio.

Antes do jogo e na hora do intervalo, uma equipe do Detran faz um trabalho de conscientização junto ao público com a campanha "Marque um golaço: se beber, não dirija".

Para Remo x Paysandu foram disponibilizados 35 mil ingressos entre pagantes, sócio-torcedores e gratuidades. Todos os portões do estádio estarão abertos a partir das 16 horas e a partida iniciará às 18h.