Crédito de R$ 1 milhão deve duplicar produção e renda em Canaã dos Carajás

17/06/2019 13h04 - Atualizada em 17/06/2019 17h07
Por Aline Miranda (EMATER)

Será a primeira vez que famílias terão a oportunidade de injetar recursos por meio de política públicaAté julho, sete pecuaristas de Canaã dos Carajás, na Região Carajás, devem receber, via projetos do escritório local da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater) com parceria do Banco da Amazônia, um total de R$ 1 milhão de crédito da linha "Mais Alimentos" do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). O crédito vai melhorar a qualidade genética dos rebanhos e a infraestrutura das propriedades.

As famílias beneficiadas criam gado há mais de 30 anos, mas essa será a primeira vez que terão a oportunidade de injetar recursos por meio de política pública. Como exemplo disso, a aquisição de matrizes de gado melhores, entre eles, o girolando e touros tabapuã, além de reforma de pastagens e cercas de arame liso, a expectativa é que, em um ano, a produção de leite no mínimo duplique – dos atuais cinco a seis litros diários para em torno de 10 litros.

O processo todo tem afinidade com o projeto Procampo, pelo qual a Emater e Prefeitura, entre outras instituições, estimulam o desenvolvimento rural sustentável do município e a restauração da bacia leitura regional em um contexto de pólo minerário, robustecendo várias frentes de municípios vizinhos, como laticínios, fornecedores de matrizes e reprodutores e consumidores finais.

"Essa é uma transformação não só da produção e da dinâmica da sociedade, mas da autoestima e do progresso dos agricultores: eles se transformam sobretudo como empreendedores", disse o engenheiro ambiental da Emater, Matheus Souza